O basquete em cadeira de rodas do Paraná deverá sofrer grandes reformulações em 2013. Um encontro, marcado para amanhã, em Ponta Grossa, poderá dar novos rumos à Federação responsável pela modalidade. Criada em dezembro de 2006, a Federação Paranaense de Basquete em Cadeira de Rodas tem permanecido na ociosidade durante este tempo. Exceto por algumas ações, a entidade pouco produziu.

Atualmente a modalidade vive de iniciativas isoladas, especialmente da cidade de Ponta Grossa. Em 2012 municípios como Foz do Iguaçu e Cascavel promoveram eventos dirigidos às equipes do estado, mas foi na cidade dos Campos Gerais que se concentrou o maior e mais estruturado campeonato, com a presença de grande parte das equipes atuantes, bem como arbitragem e classificadores especializados.

E deverá ser em Ponta Grossa a próxima sede da Federação Paranaense de Basquete em Cadeira de Rodas. A iniciativa é do técnico do time dos Tubarões MM, Ben Hur Chiconato, que tem mobilizado os representantes das equipes e dirigentes estaduais com o objetivo de reativar a FPBCR. Para tanto ele tem o aval do Diretor de Paradesporto da Secretaria Estadual de Esporte, Décio Calegari, bem como apoio de vários times do estado.

A nova diretoria pretende promover, além de um campeonato estadual organizado, clínicas para classificadores funcionais e técnicos. A Assembleia, que deverá definir os novos rumos da Federação Paranaense de Basquete em Cadeira de rodas, irá acontecer amanhã, às 13h30, no Ginásio Jamal Farjallah Bazzi.