As autoridades da Argélia anunciaram nesta quarta-feira que 12 pessoas morreram e outras 240 ficaram feridas durante as comemorações ocorridas no país por causa da conquista da vaga na Copa do Mundo de 2014, garantida na última terça-feira.

Um comunicado divulgado pelo governo argelino confirmou que cinco torcedores foram mortos quando uma van que os transportava perdeu o controle de sua direção em uma estrada local e despencou em um barranco na cidade montanhosa de Bejaia, que fica no oeste da Argélia. Já outros quatro torcedores morreram em Biskra, no sul do país, em um acidente de trânsito ocorrido em meio aos festejos.

As outras três mortes ocorreram em outras cidades argelinas, mas o comunicado emitido pelo governo não trouxe maiores detalhes sobre estes casos e apenas confirmou que, de fato, ocorreram estes óbitos.

A Argélia garantiu vaga no Mundial que será realizado no Brasil ao bater Burkina Faso por 1 a 0, em casa, na cidade de Blida, na última terça-feira, no último jogo das Eliminatórias Africanas. Pessoas de todo o país foram às ruas para comemorar a classificação, sendo que pela quarta vez os argelinos disputarão uma Copa, depois de suas participações nas edições de 1982, 1986 e 2010 da competição.