Diego Souza não precisa nem mais aparecer para treinar no Palmeiras. Depois de ter decidido negociar o jogador, a diretoria palmeirense anunciou nesta quarta-feira que ele está liberado dos treinamentos até acertar sua transferência para algum clube.

A trajetória de Diego Souza no Palmeiras acabou no dia 29 de abril, quando ele fez gestos obscenos para os torcedores após ser vaiado durante o jogo contra o Atlético-GO, no Palestra Itália, pela Copa do Brasil. Depois disso, não houve clima para continuar.

Assim, a diretoria do Palmeiras, em comum acordo com a parceira Traffic, que detém os direitos do jogador, decidiu negociá-lo. Chegou a se especular um possível interesse do Corinthians, mas Diego Souza deve ir mesmo para um clube estrangeiro.

“A ida do Diego para outro clube da capital está descartada. O futuro dele deve ser mesmo o exterior”, avisou o vice-presidente de futebol do Palmeiras, Gilberto Cipullo, prometendo definir a situação do jogador até o final da próxima semana.