O inglês Lewis Hamilton foi o mais rápido no segundo dia de testes da Fórmula 1 no circuito espanhol de Jerez de La Frontera nesta terça-feira (12). De volta ao país, onde foi hostilizado por torcedores no início do mês, o piloto da McLaren cravou a marca de 1min19s102 na melhor de suas 89 voltas.

A equipe inglesa dominou os treinos, com o piloto de testes Pedro de la Rosa na segunda posição. O espanhol deu 88 voltas e conseguiu o tempo de 1min19s287. Além da McLaren, outras oito equipes participaram dos treinamentos – só Ferrari e Toyota, que testaram no Bahrein até ontem, não foram à pista.

Entre os brasileiros que foram à pista, o melhor foi Nelsinho Piquet. O estreante cravou 1min19s661 e ficou na quinta colocação. Rubens Barrichello, da Honda, foi o 12º, com 1min21s133 e Lucas di Grassi, piloto de testes da Renault, terminou em 13º, com 1min21s200.

Tempos de hoje:
1.º – Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes), 1min19s102 (89 voltas
2.º – Pedro de la Rosa (ESP/McLaren-Merecedes), 1min19s287 (88)
3.º – Robert Kubica (POL/BMW), 1min19s539 (91)
4.º – Kazuki Nakajima (JAP/Williams-Toyota), 1min19s601 (93)
5.º – Nelsinho Piquet (BRA/Renault), 1min19s660 (120)
6.º – Nick Heidfeld (ALE/BMW), 1min19s958 (94)
7.º – Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault), 1min20s013 (113)
8.º – Nico Rosberg (ALE/Williams-Toyota), 1min20s029 (125)
9.º – Sebastian Vettel (ALE/Toro Rosso-Ferrari), 1min20s105 (53)
10.º – David Coulthard (ESC/Red Bull-Renault), 1min20s176 (111)
11.º – Sébastien Bourdais (FRA/Toro Rosso-Ferrari), 1min20s418 (82
12.º – Rubens Barrichello (BRA/Honda), 1min21s133 (71)
13.º – Lucas di Grassi (BRA/Renault), 1min21s200 (92)
14.º – Takuma Sato (JAP/Super Aguri-Honda), 1min21s400 (90)
15.º – Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India-Ferrari), 1min21s553 (103
16.º – Alexander Wurz (AUT/Honda), 1min21s950 (86)