Se tudo correr bem, o zagueiro Felipe do Coritiba assina nos próximos dias o contrato com o Standard de Liège, da Bélgica. Entre os clubes está tudo certo e só falta o jogador passar nos exames médicos para que o martelo seja batido.

Mais detalhes, como tempo de contrato e valores envolvidos, não foram divulgados, mas o defensor, inclusive, já embarcou rumo à Europa para se apresentar ao novo clube.

Os belgas tentaram a contratação de Maurício Ramos, do Palmeiras, mas as negociações emperraram e abriram caminho para o camisa 4 coxa poder disputar a Champions League.

Antes do Standard de Liège, Felipe estava nos planos de um fundo de investimento português, que queria levá-lo para atuar no Porto. As negociações se prolongaram por várias semanas, mas esfriaram.

Com a proposta aceita, o Alviverde liberou o atleta, porque os valores corresponderam às expectativas. O clube detém 51% dos direitos econômicos, mas deverá ficar com 10% de uma venda futura.

Os outros 49% são do empresário Daniel de Paiva apesar de ele, atualmente, ser representado pela empresa GR2 de Gabriel Massa, filho do apresentador Ratinho. Revelado nas categorias de base, Felipe tem 22 anos, 1,93 metro e 85 quilos. Apesar da pouca idade, chegou à condição de titular do Coritiba, mas perdeu espaço nos últimos tempos.

Desde que passou mal antes do Atletiba pelo Brasileirão, não voltou mais a jogar. Foi hospitalizado e nas últimas rodadas ficou à disposição da comissão técnica, mas só figurou no banco.

Essa deverá ser a segunda baixa do elenco esta semana. Antes dele, o volante Douglas Silva pediu para não viajar para Santo André e para evitar uma punição do clube acertou uma rescisão amigável de contrato.