A Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA) anunciou nesta quarta-feira o adiamento do Troféu Brasil de Saltos Ornamentais, que seria disputado entre quinta e domingo, no Parque Aquático Júlio de Lamare, localizado dentro do complexo esportivo do Maracanã, no Rio.

A competição foi adiada por causa das chuvas que inundaram o complexo e afetam o Rio desde a última segunda-feira. No comunicado que publicou em seu site oficial, a entidade justificou que “o local foi um dos mais atingidos pelo temporal, inundando inclusive a casa de máquinas da piscina do complexo, sem falar na dificuldade da vinda e do deslocamento interno (hotel-piscina-hotel) de delegações de outros Estados pela cidade”.

A CBDA informou que irá divulgar “o mais breve possível” as novas datas para realização do evento, que é uma seletiva para o circuito internacional de Grand Prix da Federação Internacional de Natação (Fina).

O Troféu Brasil de Saltos Ornamentais foi apenas mais um dos eventos que acabaram sendo adiados nesta semana por causa das chuvas que afetam o Rio.

Antes do comunicado da CBDA, a Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) transferiu para quinta-feira a segunda partida da semifinal da Superliga feminina, entre Unilever e Blausiegel/São Caetano. O jogo, que seria realizado na última terça, no Maracanãzinho, será disputado no Tijuca Tênis Clube, no Rio, já que o famoso ginásio carioca teve a sua quadra e os seus vestiários alagados e prejudicados por inundações.

A chuva também adiou o confronto que o Flamengo faria nesta quarta-feira à noite com o Universidad de Chile, pela Copa Libertadores da América, no Maracanã, estádio que também sofreu por causa dos grandes alagamentos, tanto na parte interna quanto em suas imediações.