Valquir Aureliano
Cascavel, que está treinando no CT do Coxa, em Curitiba, já preparou o bote pra pegar o Rio Branco.

Parar o ímpeto do empolgado Rio Branco de Paranaguá no Estádio da Estradinha. Essa será a dura missão do Cascavel, que busca sua primeira vitória no Campeonato Paranaense, amanhã. O técnico Lorival Santos não adiantou como pretende neutralizar as rápidas trocas de bola da equipe parnanguara, mas realizou trabalho tático

com seus jogadores na tarde de ontem, no Centro de Treinamento (CT) do Coritiba. ?Temos que jogar com respeito e muita determinação, mas respeito demais não pode?, afirmou o treinador.

O Cascavel deve repetir a mesma formação que arrancou um empate contra a Portuguesa Londrinense, em Londrina, na rodada do meio de semana. De acordo com Lorival, o Rio Branco está motivado e virá com tudo para buscar a terceira vitória e manter-se no topo da classificação. O empate não é encarado pelo Cobra como um mau resultado.

?O importante é pontuar no campeonato?.

O treinador disse ainda que espera seu time um pouco mais solto em campo, pois na rodada anterior os jogadores sentiram o peso da estréia – o Cascavel não jogou a 1.ª rodada, dia 14, devido a problemas judiciais que incluíam seu adversário, o Engenheiro Beltrão. ?Tivemos muita ansiedade e não soubemos valorizar a posse da bola. As oportunidades foram criadas, mas não foram aproveitadas. Depois deixamos a Portuguesa gostar do jogo, mas saímos com um empate?, resumiu.

Partir pro ataque – Contra o Leão da Estradinha, no entanto, a equipe do Cascavel não deve ficar atrás a espera do ataque inimigo. ?Se ficarmos atrás, eles virão como um rolo compressor.

O time deles teve ousadia fora de casa enfrentando Atlético e Coritiba. Imagine em seu estádio?, concluiu Lorival.

Estradinha vai ficar pequena

Julio Tarnowski Jr.

Vai faltar lugar na Estradinha. Pelo menos foi essa a demonstração dos torcedores do Rio Branco, que ontem buscavam comprar antecipadamente os ingressos para o jogo de amanhã, às 16h, contra o Cascavel. E a motivação dos parnaguaras não é à toa. O Leão da Estradinha ganhou os dois primeiros jogos no Estadual –  Coritiba (2 a 1), e  Atlético (1 a 0). Mas não foram somentes as vitórias, e a co-liderança ao lado da Adap, que fazem o torcedor do Rio Branco apostar em mais 3 pontos. O time do técnico Saulo de Freitas mostrou um bom padrão tático e técnico diante da dupla Atletiba. ?Isso é fruto do trabalho de todo o grupo. Mas temos que buscar melhorar ainda mais o nosso rendimento?, diz o treinador, ,que  só anunciará o time antes da partida.