O saltador César Castro ficou com a medalha de ouro, nesta quarta-feira, no trampolim de 3 m – prova em que já tem vaga garantida para as Olimpíadas de Pequim -, no Sul-Americano que está sendo disputado em Pinheiros, São Paulo. O pódio foi completado pelo venezuelano Luis Villarroel e pelo colombiano Juan Uran. Ambos também classificados para China.

O primeiro dia de provas ainda teve a participação de Juliana Veloso, prata no trampolim de 1 m. A Venezuela saiu na frente na classificação geral, com 72 pontos, seguida pelo Brasil, com 70.

Natação

A nadadora Gabriela Silva, de 19 anos, comemorou nesta quinta-feira a quebra de recorde do continente no Campeonato Sul-Americano de Desportos.

Aquáticos

Gabriela foi a primeira mulher da América do Sul a nadar os 100 metros borboleta em menos de um minuto. Cravu 59s79 na distância, quebrando um recorde que era dela mesma, com 1min00s47, feito em dezembro de 2007.

Nado sincronizado

A dupla Nayara Figueira e Lara Teixeira saiu na frente na abertura do Sul-Americano da modalidade, no Corinthians. Nesta quarta, elas se apresentaram na rotina técnica (programa curto) com a coreografia ?aero show?. E deixaram para trás as venezuelanas Anna e Mary Soto.

Poló aquático

A seleção brasileira feminina de pólo aquático estreou com vitória no Sul-Americano absoluto. Sem fazer pressão, o Brasil derrotou a Argentina por 13 a 4. Na outra partida do dia, a Venezuela passou facilmente pelo Chile por 23 a 1.