Eliminado pelo argentino Juan Monaco na segunda rodada do Masters 1000 de Madri, o tenista brasileiro Thomaz Bellucci admitiu que sentiu nesta quarta-feira o desgaste da maratona de jogos dos últimos dias. E, com isso, acabou perdendo por 2 sets a 0, com duplo 6/2.

No último fim de semana, Bellucci comandou a equipe brasileira na vitória sobre o Uruguai na Copa Davis, em confronto disputado em Bauru, no interior de São Paulo. Depois, seguiu direto para Madri, chegando na segunda-feira, um dia antes da sua estreia.

Mesmo desgastado, Bellucci venceu o espanhol Pere Riba na estreia de terça-feira em Madri. Mas nesta quarta não resistiu ao jogo de Juan Monaco, tenista que ocupa o 27º lugar no ranking mundial – o brasileiro está uma posição na frente, em 26º.

“Acabei sentindo o desgaste. Ontem (terça-feira), me superei, mas hoje (quarta-feira) foi complicado. O Monaco jogou muito bem, praticamente não errou e senti bastante, principalmente o fuso horário. Eu estava lento, mas já sabia que seria uma semana muito dura em função da Davis”, afirmou Bellucci.

Agora, Bellucci viaja para a França, onde disputará na próxima semana o Torneio de Nice como forma de preparação para Roland Garros – o Grand Slam em Paris começa no dia 23 de maio. “Vamos aproveitar também para fazermos um trabalho de recuperação física”, explicou o técnico do brasileiro, João Zwetsch.