Passado o sufoco do clássico, o Atlético avaliou o que aconteceu na primeira fase do Campeonato Paranaense. O técnico Paulo Autuori garantiu que o saldo do Furacão foi positivo, mesmo com tudo que aconteceu – inclusive com a classificação conquistada graças à vitória do Rio Branco sobre o Foz do Iguaçu. O treinador tirou a responsabilidade dos jovens que participaram da maior parte do Estadual, e garantiu que o time está pronto para encarar o mata-mata.

Deu Paraná Clube no clássico! Saiba como foi o jogo!

“Não vou ficar discutindo resultados, eu sempre disse a vocês que quero falar sobre rendimento. E nós queríamos expor esses jovens à competição. Eles foram bastante bem, renderam da forma que nós imaginávamos, e se acontecesse qualquer tipo de situação a responsabilidade seria minha. De forma alguma eu deixaria que eles fossem atingidos”, comentou o treinador.

Contra o J. Malucelli e diante do Paraná Clube, o Atlético entrou com os titulares, e acabou sem vencer – empate diante do Jotinha e derrota para o Tricolor. “São coisas que acontecem, tivemos dificuldades e os resultados não vieram”, resumiu Autuori. “Hoje (ontem) eles estiveram melhor individualmente e conseguiram a vitória”, completou o zagueiro Thiago Heleno.

Ao elogiar o time vencedor no clássico, Paulo Autuori não perdeu a chance de criticar a fórmula do Campeonato Paranaense. “Eles estão de parabéns pela campanha que fizeram. Mas agora entram numa fase eliminatória e podem sair da competição em duas partidas ruins. Tanto eles quanto a gente, na verdade. Por isso não gosto dessa forma de campeonato, prefiro a regularidade. Um time faz uma campanha muito boa e em dois jogos pode colocar tudo a perder”, comentou o treinador rubro-negro.

Por ironia, o “professor” admite que o Atlético talvez seja o time que chega mais preparado para o mata-mata. “Vamos entrar em uma situação que já estamos acostumados, um perfil de torneio que estamos enfrentando desde o início do ano”, afirmou Autuori, lembrado das fases eliminatórias da Copa Libertadores. “Agora vamos nos preparar bastante para buscar nosso objetivo, que é o título”, garantiu.

Preocupação

Paulo Autuori também está preocupado com a possível paralisação do Campeonato Paranaense. Ele lembrou dos problemas do Estadual sub-20 no ano passado, coincidentemente envolvendo o J. Malucelli. “Tivemos uma situação no sub-20, e é muito complicado se isso se repetir. Seria importante que se resolvesse isso rapidamente, para que pudéssemos jogar no final de semana”, comentou o treinador, que não tem a certeza ainda se enfrenta o Paraná (se o Jotinha mantiver os pontos) ou o Coritiba (se o Jotinha perder os pontos). “Veja como são as coisas. Estamos entre os nossos dois rivais”, finalizou Autuori.

Quer entender por que o Paranaense pode parar? Saiba tudo aqui!