Depois de ir para o intervalo vencendo, o Atlético perdeu de virada por 3 a 2 para o Vitória no Barradão, neste domingo (6) e aumentou o jejum sem vencer fora de casa. Já são nove jogos que o Furacão não sai com um ponto sequer quando joga como visitante. O time atleticano foi derrotado em 14 jogos dos 17 disputados como forasteiro.

Apesar do revés, o Rubro-Negro segue no G6 com 51 pontos, mas podendo ser ultrapassado pelo Grêmio, que recebe o Sport no complemento da 34ª rodada nesta segunda-feira (7).
“É lamentável essa derrota. Viramos o primeiro tempo vencendo, e erramos bastante no segundo tempo. É uma derrota que atrapalha bastante os nossos planos”, lamenta o zagueiro Paulo André.

O Furacão levou o primeiro gol logo aos 4’/1º. O zagueiro Marcão cortou mal o chute de Marinho e o próprio atacante ficou com o rebote para tocar no canto de Weverton.

O Rubro-Negro se impôs e virou o jogo ainda na etapa inicial com dois gols de Pablo. Aos 29’/1º o atacante só empurrou a bola para as redes depois do passe certeiro de Lucas Fernandes. Já aos 42’/1º, Pablo aproveitou a roubada de bola do meia Lucho González, recebeu livre e tocou com categoria por cima do goleiro.

Mas no segundo tempo, o time do técnico Paulo Autuori recuou e sofreu a virada. O atacante David anotou o gol de empate aos 23’/2º após grande jogada de Marinho. A virada veio com Marinho, o nome do jogo, aos 37’/2º, depois do atacante deixar Paulo André no chão e fuzilar no alto de Weverton.
Na próxima rodada, o Atlético enfrenta o Fluminense daqui há nove dias, terça-feira (15), às 17h, no Maracanã.