No último jogo como mandante longe de casa, o Atlético vacilou e cedeu o empate ao São Paulo, em 2 a 2, na noite desta quarta-feira (28), em Uberlândia. Com o resultado, o Furacão cai para a décima primeira colocação.

O Atlético abriu o placar no primeiro tempo com o meio-campo Bady, cedeu o empate na etapa final, em um pênalti cobrado por Rogério Ceni, fez o segundo no final com Cléo e vacilou e deixou Luis Fabiano empatar no último minuto.

O jogo

Com apenas uma novidade em relação ao time que entrou em campo no clássico – a entrada do zagueiro Dráusio no lugar do suspenso Cleberson -, o Atlético não teve um bom desempenho no primeiro tempo.

Porém, o Furacão teve qualidade suficiente pra sair com o placar em vantagem na primeira parte do jogo. Na única oportunidade real de gol, o time do interino Leandro Ávila guardou, com o meio-campo Bady aproveitando a falha da zaga aos 29 minutos.

A etapa final foi de um Atlético mais recuado, mas saindo com velocidade nos contra golpes. O São Paulo partiu pra cima em busca do empate. Com a pressão do time visitante, Ávila optou pela entrada do volante João Paulo, para reforçar a marcação no meio-campo.

Porém, o time mandante recuou muito e o São Paulo aproveitou. Aos 30 minutos, após penalidade de Deivid em cima de Luis Fabiano, o goleiro Rogério Ceni cobrou e empatou. O jogo ficou eletrizante nos minutos finais. 

Aos 44 minutos, Cléo fez o segundo do Furacão, após o belo cruzamento de Natanael. Porém, o Atlético vacilou no último minuto. Em uma bola rebatida no braço de Luis Fabiano, o atacante empatou e deu números finais ao jogo.

O Furacão volta campo no próximo domingo para encarar o Figueirense, às 18h30, em Florianópolis.