O duelo entre Corinthians e Athletico, que acontece nesta quinta-feira (10), às 19h15, na Arena Corinthians, promete ser mais agitado fora do que dentro de campo. Isto porque as duas diretorias não se acertaram em relação ao caso de doping do volante Camacho e o bom relacionamento entre eles acabou estremecendo.

Em abril, quando o jogador e o zagueiro Thiago Heleno foram flagrados no antidoping pelo uso de higenamina, o Furacão se comprometeu a pagar uma indenização ao Timão, que emprestou Camacho até o final da temporada, mas, segundo o portal Uol, o acordo ficou só na promessa. Seis meses depois, o time paulista não foi indenizado e isto pode interferir no futuro do volante para 2020.

O objetivo do Rubro-Negro era renovar o vínculo de empréstimo para a próxima temporada, até para ‘compensar’ o período que ele ficou sem jogar. O atleta, aliás, vinha sendo titular na época. Porém, sem o pagamento acordado, o Corinthians agora só aceita vendê-lo em definitivo.

+ Confira a classificação completa do Brasileirão!

Além de Camacho, outro jogador emprestado pelo time paulista ao Athletico é o zagueiro Pedro Henrique, que sofreu uma lesão muscular e só deve voltar a ficar à disposição na próxima semana.

Leia mais:

+ Ídolo do Furacão, Sicupira é internado com problema pulmonar
+ Sem Bruno Guimarães, Athletico terá mudanças no meio e na postura
+ Torcida do Athletico terá espaço no estádio do Corinthians