O Athletico chegou à quarta vitória seguida, contando os triunfos na Libertadores, e confirmou a boa sequência. Na noite deste sábado, na Arena da Baixada, o Furacão venceu o Bahia por 1×0 pela 12ª rodada do Brasileirão. Christian anotou o gol na segunda etapa. Santos ainda defendeu penalidade de Clayson aos 37′, garantindo o resultado.

Com a vitória, o Athletico chega a 10ª posição, com 14 pontos. Já o Bahia permanece na zona de rebaixamento, com 9 pontos, na 19ª colocação. As equipes podem ser ultrapassadas com o fechamento da rodada.

Tabela do Brasileirão 2020: veja a classificação e todos os jogos

O Athletico volta as atenções agora para a Libertadores. Na terça-feira (29), o Furacão recebe o Jorge Wilstermann, na Arena da Baixada, às 21h30, pela quinta rodada do grupo C da competição.

A primeira etapa começou com as duas defesas bem postadas e jogo truncado no meio de campo. Nos primeiros 15 minutos, o Bahia foi melhor, mas não levou perigo ao goleiro Santos. Na melhor chance, aos 19’, Rodriguinho recebeu sozinho após bom cruzamento de Élber, mas mandou para fora.

Brasileirão 2020: Athletico x Bahia – as informações do jogo no tempo real

Quando Erick e Cittadini apareceram no jogo, o Furacão conseguiu chegar ao ataque. Erick viu o goleiro adiantado e arriscou chute colocado de longe, mas a bola passou por cima da meta. No lance mais perigoso, o volante recebeu pela direita na área, mas chutou em cima do goleiro.

No começo da segunda etapa, Fabinho levou perigo após desviar chute de Cittadini na pequena área. A bola saiu pelo lado da meta. A falta de criatividade parecia encaminhar o jogo para um empate sem gol, mas aos 26’ Christian cabeceou sozinho para o fundo da rede após belo cruzamento de Abner.

O Bahia teve a chance do empate em pênalti marcado após revisão do VAR. A estrela do goleiro da seleção brilhou e Santos defendeu a penalidade de Clayson.

Ficha técnica de Athletico x Bahia

Brasileirão 2020
12ª rodada
26/9/2020
Athletico 1×0 Bahia


Athletico
Santos; Jonathan (Jorginho), Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner Vinícius; Wellington, Erick, Christian (Alvarado) e Léo Cittadini (Ravanelli); Fabinho (Carlos Eduardo) e Pedrinho (Renato Kayzer). Técnico: Eduardo Barros.

Bahia
Douglas; Edson, Ernando, Juninho e Juninho Capixaba; Gregore, Ronaldo (Ramon), Ramires (Rossi) e Rodriguinho (Marco Antônio); Élber (Clayson) e Gilberto (Saldanha). Técnico: Mano Menezes.

Gol: Christian (A), aos 26/2º.
Cartões amarelos: Erick (A), Jonathan, Thiago Heleno; Saldanha (B).
Local: Arena da Baixada.
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG).
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (Fifa/MG) e Felipe Alan Costa de Oliveira (MG).

+ Mais do Furacão:

+ Athletico anuncia contratação de “chefão” do futebol
+ Centroavante “por opção”, Renato Kayzer chega pra ser referência no ataque
+ Jadson de volta ao CT do Caju? Meia conversa com o Athletico
+ Técnico explica como fez o Athletico voltar a ganhar


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?Apoie a Tribuna!Adicionar Botão