A seleção argentina realizou nesta sexta-feira seu último treinamento antes da estreia na Copa América. Como já vinha determinando ao longo da semana, o técnico Gerardo Martino mais uma vez comandou a atividade com portões fechados e escondeu a escalação para a partida diante do Paraguai, na cidade de La Serena.

Na véspera da estreia, Martino também optou por não fazer o reconhecimento do estádio La Portada, onde argentinos e paraguaios duelarão. “O plantel esperará o jogo contra o Paraguai no hotel Serena Suítes, já que, por questão de planejamento e para privilegiar o descanso dos jogadores, não realizará o reconhecimento do campo de jogo do estádio La Portada”, informou a Associação do Futebol Argentino (AFA) em seu site.

Talvez a principal favorita desta Copa América, a Argentina não revelou quem entrará em campo neste sábado. A principal dúvida é em relação ao goleiro Romero, que se recupera de dores no ombro mas deve jogar. Também por problemas físicos, o lateral Zabaleta e o volante Biglia são dúvidas. A situação do meio-campista é a que mais preocupa e há quem diga que Banega será o titular.