Publicidade

Curitiba

Rifa de uma clássica Kombi Pick up vai ajudar no tratamento de duas crianças e Instituto AMA

A história do garoto Felipe já é conhecida pelos leitores da Tribuna. Conhecida, também, é a luta diária do José Eduardo Fernandes para conseguir manter as melhores condições possíveis para que o filho, que tem paralisia cerebral, possa ter uma vida menos sofrida, e porque não dizer, bem mais feliz. E o objetivo tem sido alcançado, muito em parte pela ajuda dos leitores que acreditam nas campanhas de Corrente do Bem apoiadas pela Tribuna.

Após o sucesso das três campanhas anteriores, dessa vez a Rifa do Bem vai garantir as despesas mensais do Felipe, ajudar mais uma vez o menino Erick, que é portador da síndrome de Lennox e também já teve sua história contada algumas vezes por aqui, e também o Instituto AMA, que dá assistência para crianças com diversas necessidades especiais. O objetivo desejado pelos colecionadores e por aqueles que querem fazer o bem é uma Kombi Pick Up 1990 lindíssima.

+ Leia também: Portal ajuda crianças com doenças raras e cria clube de benefícios para quem colabora

“As rifas em prol do Felipe vem dando muito certo graças a ajuda da Tribuna do Paraná e seus leitores. A arrecadação é revertida para manutenção das terapias do Felipe que são: fisioterapia, fonoaudiologia, terapia ocupacional, fraldas, gaze estéril, sonda de aspiração traqueal e para manter as cuidadoras, pois ele é 100% dependente”, conta José Eduardo.

A Rifa IV terá mais de um prêmio para quem participar. O bilhete custa R$ 60 e dá direito ao apoiador de uma centena para concorrer a Kombi no prêmio principal, e a uma TV de LED 32 polegadas no 2º prêmio.

>>> Quem quiser participar pode acessar direto o site da rifa clicando aqui!

A data do sorteio será marcada após a confirmação da venda de todos os números. Assim que finalizados os pagamentos, os participantes serão informados via whatsapp e também pelo instagram e facebook da campanha. Quem quiser contribuir com mais de um bilhete, tem a possibilidade de comprar três deles pelo preço de R$ 160, o que barateia o custo. As demais regras estão disponíveis no site da rifa.

Olha o golpe!

Alguns indivíduos sem o mínimo de escrúpulos tentaram aplicar golpes usando a história do menino Felipe. Fiquem atentos. O único contato confiável é pelo link da rifa ou pleo contato direto do pai, José Eduardo, pelo whatsapp (41) 99519-2458.

Vida de luta

A vida de José Eduardo Fernandes, de 40 anos, não tem sido fácil nos últimos 8 anos e 10 meses, desde o nascimento do filho Felipe. A dor da perda da esposa, que morreu cinco dias depois do parto, somou-se ao desespero de perceber que o filho ficara com sequelas após uma hemorragia cerebral ainda dentro do útero materno.

Passado o trauma inicial e o luto, o instinto e o amor prevaleceram na relação pai e filho, empurrando José Eduardo para uma jornada difícil, mas igualmente recompensadora. O sorriso e a evolução de Felipe foram o combustível que o pai precisava para diariamente batalhar por uma vida melhor e mais comportável para seu menino.


Precisamos do seu apoio neste momento!

Este conteúdo te ajudou? Curtiu a forma que está apresentado? Bem, se você chegou até aqui acredito que ficou bacana, né?

Neste cenário de pandemia, nós da Tribuna intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise. Bora ajudar?

Ao contribuir com a Tribuna, você ajuda a transformar vidas, como estas

– Pai vende vende 1000 bilhetes de rifa com a ajuda da Tribuna pra salvar o filho
– Leitores da Tribuna fazem doação de “estoque” de fraldas para quíntuplos
– Leitores se unem para ajudar catadora de papel de 72 anos

E tem várias outras aqui!

Se você já está convencido do valor de sua ajuda, clique no botão abaixo


Sobre o autor

Eduardo Luiz Klisiewicz

Eduardo Luiz Klisiewicz

(41) 9683-9504