enkontra.com
Fechar busca

Política

Projeto

Nova vereadora de Curitiba propõe a proibição dos fogos de artifício

  • Por João Frey
Foto: Reprodução/Facebook.

Empossada no domingo (1), a vereadora Fabiane Rosa (PSDC) apresentou já em seu primeiro dia de trabalho um projeto de lei que tem o objetivo de proibir a queima de fogos de artifício no município de Curitiba. Pela proposta da vereadora ficariam banidos quaisquer tipos fogos e artefatos pirotécnicos. Segundo a justificativa do projeto, a medida é para evitar danos e perturbações aos animais, especialmente cães, gatos e aves.

Fabiane Rosa argumenta que os fogos de artifício podem levar os animais a quadros de ansiedade, tremores, taquicardia, latido e choro excessivo e até mesmo à morte em casos extremos.

“As situações de alegria para os seres humanos se transformam em situações de sofrimento para muitos animais. É importante refletir sobre como uma conduta social considerada normal, aceitável pode ultrapassar os limites de bem-estar de outros seres que compartilham o ambiente com os seres humanos”, diz a justificativa da proposta.

A vereadora diz que já está conversando com outros parlamentares para convencê-los da importância de aprovar a medida e que prevê a realização de uma audiência pública sobre o tema já para o mês de fevereiro, quando a Câmara retoma o trabalho legislativo.

A parlamentar foi eleita com uma plataforma de defesa do direito dos animais e na primeira sessão do ano na Câmara Municipal foi assinar o termo de posse no cargo acompanhada de um cachorro.

Além do bem-estar dos animais, o texto defende que o banimento de fogos de artifício também beneficia os humanos. Ela cita a quantidade de queimaduras causadas pelos artefatos e o incômodo que eles geram a crianças e idosos.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

163 Comentários em "Nova vereadora de Curitiba propõe a proibição dos fogos de artifício"


Rafael
Rafael
9 meses 9 dias atrás

Beleza. Ai aumenta o preço, vira contravenção, o governo nem arrecada impostos para tratar quem se acidenta, Mais do mesmo, varrer para baixo do tapete. Inteligente a vereadora.

mauricio Ramos
mauricio Ramos
9 meses 10 dias atrás

Pessoal, o mais ABSURDO nisso tudo ninguém abordou até o momento, também não gosto de fogos, mas
criar uma lei por causa de UM DIA no final de ano no meio das festas é o cúmulo do ridículo, sem mais…………………

Sheila S.N.
Sheila S.N.
9 meses 9 dias atrás

Um dia?
Natal é dia 24 para dia 25 de dezembro, vamos contar 1.
Dia 25 o dia inteiro até o dia 26, vamos contar mais 1, são 2.
Dia 31/12 para dia 1/01, e 1 para 2 de janeiro, vamos contar mais 2, são 4.
Fora os jogos de futebol que sempre rendem fogos e outros eventos tolos…

Christovam
Christovam
9 meses 10 dias atrás

A Sra Vereadora tem todo o meu apoio, fogos de artifício sim ..rojões e morteiros não, em nome dos doentes, das crianças e do animais domésticos e da fauna em geral.

Carlos
Carlos
9 meses 10 dias atrás

Que desperdício! Conquistar por sorte uma vaga de vereadora para apresentar uma proposta destas…. Fútil. Não se reelegerá se for nesta esteira.

Fernando Signorini
Fernando Signorini
9 meses 11 dias atrás

Já existem fogos sem efeitos sonoros, fabricados somente com efeitos visuais. Algumas cidades da Itália já utilizam este artefato. Somente proibir é ruim e fará crescer o mercado paralelo. É necessário buscar alternativas e incentivar as negociações ente fabricantes, comerciantes e poder público.

Jader
Jader
9 meses 10 dias atrás

Vamos pedir para São Pedro não deixar trovejar também nos dias de chuva, coitadinho dos cachorrinhos

1 2 3 14
wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas