Será julgado amanhã, no Tribunal do Júri, o acusado de matar o garçom Thiago Sena de Oliveira, 28 anos, a facadas e golpes de barra de ferro em julho de 2010, no Hauer. Claudemir Moreira Ferreira, 51, o “Fala Mansa”, está preso e sentará no banco dos réus, às 13h.

Thiago se preparava para trabalhar num cruzeiro, quando foi morto. Ele morava com a família no Xaxim e, no dia do crime, foi até o cortiço onde a namorada morava desde que deixou uma clínica de recuperação para usuários de droga. Thiago foi ao encontro da jovem na tentativa de convencê-la a se livrar do vício, quando foi atacado por Claudemir, apontado, na época, como fornecedor de drogas.