Até um porta joias com um ursinho era usado para esconder drogas numa casa que foi alvo de uma ação dos policiais da Divisão de Narcóticos (Denarc) nesta quarta-feira (18). Três pessoas foram presas na ação, no local, que segundo a polícia era usado como ponto de vendas de drogas no bairro Pilarzinho, em Curitiba.

Os investigadores chegaram ao trio depois de denúncias anônimas de que no terreno, onde ficam duas casas, havia uma grande movimentação de venda de drogas. Na casa dos fundos, morava o casal Diego Eduardo Saboretti Paulieli, de 28 anos, e a mulher Andressa Rafaela de Souza Pantaleão, 24. Na residência da frente, morava Nanci Helena de Souza Pantaleão, de 61, mãe de Andressa.

Com a ajuda de cães farejadores, os policiais encontraram na casa do casal 600 gramas de crack, 550 gramas de cocaína, três balanças de precisão, uma pistola glock com três carregadores (um deles alongado), munição e R$ 32,5 mil em dinheiro. Ainda durante a ação, os policiais encontraram também buchas de cocaína dentro de um porta joias de criança, no quarto do filho de Diego e Andressa, de quatro anos. Já na casa da frente, havia dinheiro escondido dentro de uma almofada e ainda 25 porções de maconha embaladas para venda.

O que surpreendeu os policiais da Denarc foi que, há dois meses, Diego e Andressa foram presos pela Polícia Militar (PM) também com drogas dentro de casa. Acontece que, no dia seguinte, o casal foi solto por determinação da Justiça.

Segundo a delegada Camila Ceconello, mesmo depois de presos, os dois voltaram a agir. “Isso nós percebemos quando entramos na casa. Eles retomaram a atividade e não se preocuparam nem em trocar de endereço”, detalhou. Os três presos vão responder por tráfico de drogas, associação ao tráfico e, Diego Paulieli, também por porte ilegal de arma. O filho do casal foi encaminhado à casa dos avós paternos.

Além das drogas, também foi apreendida grande quantidade de dinheiro, além de uma pistola, munições e balanças de precisão. Foto: Divulgação/Polícia Civil
Além das drogas, também foi apreendida grande quantidade de dinheiro, além de uma pistola, munições e balanças de precisão. Foto: Divulgação/Polícia Civil