Morreu no hospital, nesta quinta-feira (31), cunhado de um policial militar que foi baleado numa tentativa de assalto às margens da BR-376 em São José Dos Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Ele estava internado desde o dia do crime, que aconteceu no dia 18 de janeiro deste ano e também deixou ferido o PM, o 13° Batalhão da Polícia Militar de Curitiba, que continua hospitalizado.

O cunhado do policial, Anderson Santana dos Santos, de 29 anos, tinha sido encaminhado ao Hospital do Trabalhador (HT), em Curitiba. Na tarde desta quinta-feira (31), depois de mais de dez dias lutando pela vida, não resistiu. O corpo foi recolhido pelo Instituto Médico-Legal (IML).

+Leia mais! Beto Richa é solto da prisão após decisão do STJ

O crime aconteceu depois que o carro do PM parou às margens da rodovia por um problema mecânico. Bandidos chegaram para assaltar o policial, mas quando perceberam que se tratava de um PM, atiraram. Em seguida, quando Anderson chegou para ajudar o cunhado, também acabou ferido.

+Viu essa? Volkswagen faz recall e destruirá carros vendidos por engano. Veja a lista!

A ação dos bandidos é investigada pela Polícia Civil. O que se sabe é que os autores do crime estavam num Monza, mas passados quase 15 dias da ação, ninguém foi preso ou identificado. Denúncias podem ser feitas diretamente à PM, pelo 190, ou também para a Delegacia de São José dos Pinhais, pelo telefone (41) 3299-1500.

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

Armado, filho surpreende a mãe e cumpre promessa. Ela levou um tiro e está em estado grave