enkontra.com
Fechar busca

Política

Cássio reclama de Greca à direção do PFL estadual

  • Por Elizabete Castro

O prefeito de Curitiba, Cássio Taniguchi, queixou-se ontem à direção do PFL durante reunião da executiva estadual que sua administração vem sendo bombardeada não apenas pelos adversários políticos tradicionais, mas por deputados do seu próprio partido. Conforme o relato dos integrantes da reunião, o prefeito disse que não tem a intenção de deixar o PFL, mas que considera “inadmissíveis” as críticas que vem recebendo do deputado estadual Rafael Greca, seu antigo desafeto e que não esconde suas pretensões de concorrer à sucessão de Taniguchi no próximo ano.

Greca não participou da reunião, mas informado sobre as reclamações de Taniguchi rebateu: “Eu é que não admito que o prefeito destrua a herança do bem comum que recebeu da minha administração”. Greca tem censurado a decisão do prefeito de desativar os restaurantes populares e esvaziar programas de assistência social que implantou durante sua administração.

“O prefeito não está na condição de dar lição de moral a ninguém. Isso se sabe em qualquer esquina e nos tribunais. Um partido não pode ter patrão”, disparou Greca. Ele sinalizou que pode se desligar do PFL. “Aguardem. Posso ir para um partido feliz e popular. De preferência que tenha vermelho na bandeira”, afirmou.

Conciliação

Os atritos entre Greca e Taniguchi incomodam, mas estão em segundo plano para o PFL estadual que está preparando a convenção do próximo dia 4 .

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas