Estudantes matriculados em escolas estaduais do Paraná podem participar de cursos gratuitos de tecnologia, que ensinam, por exemplo, a criar aplicativos, games, sites para web e mobile, produção e edição de fotos e vídeos, podcasts, entre vários outros de programação em diferentes linguagens, como Java e HTML. Mas o prazo para se inscrever nos cursos acaba nesta quarta-feira (23). Segundo a Secretaria de Estado da Educação (Seed-PR) 10 mil bolsas de estudo estão sendo oferecidas por meio de uma parceria com a plataforma de educação em tecnologia Alura.

LEIA TAMBÉM – Menino de 7 anos dá aula de honestidade em Curitiba depois de bater de bicicleta no carro do vizinho

“O aluno poderá escolher uma das formações, conforme seu interesse. Com os cursos, os nossos jovens poderão se qualificar para o mercado de trabalho, que cada vez mais busca programadores e profissionais da tecnologia”, afirma o diretor de Tecnologia e Inovação da Secretaria, Gustavo Garbosa.

São ao todo 18 trilhas disponíveis em cinco modalidades de cursos oferecidos: Programação Mobile, Programação de Back-end, Programação de Front-end, Design & UX e Data Science. Só para a criação de games são dois diferentes softwares, para web e mobile. Um deles ensina a criar um jogo de RPG em 2D com efeitos visuais, imagens, sons, cenários e mapas. Para vídeos, há um módulo especial do YouTube: da concepção de um canal ao upload.

LEIA MAIS – Carros oficiais usados por vereadores de Curitiba deverão ser identificados

As possibilidades se estendem à criação e desenvolvimento de Design Gráfico em programas como Photoshop e Illustrator, edição de planilhas no Excel, introdução a Ciência de Dados, testes estatísticos em linguagem de programação Phyton, cursos focados na experiência de usuário e Design Thinking.

Inscrições

Os alunos e professores interessados em preencher uma das 11.000 vagas – 10 mil destinadas aos alunos e mil aos professores – nos cursos de programação devem acessar o site www.educacao.pr.gov.br/programacao, que só é acessível com usuário @escola.pr.gov.br e preencher o formulário de credenciamento usando seu e-mail, sendo necessário estar logado apenas no e-mail @escola pelo Gmail.

LEIA AINDA – Servidores públicos do Paraná devem retornar ao trabalho presencial, diz resolução

As inscrições abriram na última sexta-feira (18) e vão até esta quarta-feira (23). O início dos cursos será em 1º de outubro. Caso o número de interessados exceda os 11.000 nas modalidades de aluno e professor, o critério de desempate será a data/hora do credenciamento, conforme registro de envio do formulário, como prevê o edital de credenciamento.

O curso

O curso tem previsão de duração de cerca de seis meses, de outubro de 2020 a fevereiro/março de 2020 e é recomendado que os estudantes interessados tenham a disponibilidade de 10 horas semanais, no contraturno escolar. 

Os estudantes que não acessarem e não avançarem nos cursos em um período de 15 dias consecutivos serão eliminados, dando lugar a quem ficou de fora no primeiro credenciamento devido à limitação de vagas. No final do período, os estudantes participarão de um evento para compartilhamento dos trabalhos desenvolvidos.

LEIA AINDA – Pedágio pro litoral do Paraná vai subir semana que vem, voltando ao valor cheio

A parceria entre a Secretaria da Educação e a Alura é gratuita, sem custos para o Estado e para o aluno. O currículo e trilhas oferecidas em cada um dos cinco cursos disponíveis nesta parceria podem ser conferidos na plataforma da Alura. Mais informações no edital.