Um pescador está desaparecido em uma área de mangue em Paranaguá, no litoral do Estado. O helicóptero da Polícia Militar ( PM) sobrevoou na manhã deste domingo (29) a região por 40 minutos, mas retornou a base em Matinhos sem localizar o homem. Uma equipe do Corpo de Bombeiro continua a busca pelo homem usando uma lancha.

Segundo informações do Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA), o acionamento foi pedido pelo Corpo de Bombeiros para que a aeronave se deslocasse. Em 8 minutos, o helicóptero chegou ao local. Por ser no mangue, com água barrenta e escura, a procura ficou mais complicada. “É uma área muito difícil. Chegamos a ficar bem próximo da água, mas não visualizamos nada. Além disto, caso tenha ocorrido algo com a pessoa, o corpo demora para flutuar devido ao barro”, comentou o tenente Leonardo Andri Doris do BPMOA.  

LEIA+ Helicótero da PM faz 13 resgates em 7 dias nas praias: Ano Novo é período crítico

Segundo a porta-voz do Corpo de Bombeiros na Operação Verão Maior, tenente Virgínia Maria Zambrim Turra, uma lancha segue a busca pelo pescador. “O trabalho vai seguir até o começo da noite conforme o protocolo. Vamos manter o patrulhamento até o escurecer, mas esperamos retornar o quanto antes. Caso contrário, voltamos logo ao amanhecer do dia seguinte”, ressalta a tenente.

Salvamentos

Só nos sete primeiros dias da Operação Verão no litoral do Paraná, o helicóptero da Polícia Militar (PM) realizou 13 resgates nas praias, do dia 21 a 28 de dezembro. Número que deve aumentar com o Ano Novo, comemorado quarta-feira (1.°). O Réveillon, junto com o Carnaval, são as datas em que mais há ocorrências de afogamentos no mar, causadas principalmente pela ingestão de bebidas alcoólicas.