Rússia e Israel assinaram hoje um acordo de cooperação militar de longo prazo. Os detalhes do pacto assinado pelos ministros da Defesa dos dois países na capital russa não foram revelados. Moscou e Tel-Aviv tiveram divergências ao longo dos últimos anos por conta de um contrato de venda de mísseis antiaéreos russos ao Irã.

O ministro russo da Defesa, Anatoly Serdyukov, comentou que Moscou comprou recentemente 12 sondas aéreas não tripuladas e salientou a importância das trocas de experiência e conhecimento com as forças armadas israelenses “para a modernização das forças armadas russas”.

Por sua vez, o ministro israelense da Defesa, Ehud Barak, destacou que seu país considera a Rússia “uma grande potência, globalmente e para nossa região”.