A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, e o ministro de Defesa, Thomas de Maiziere, chegaram no Afeganistão para uma visita surpresa, afirmou um porta-voz do governo alemão nesta sexta-feira.

Eles foram para o quartel general das forças alemãs na cidade de Mazar-i-Sharif, no norte do país, disse o porta-voz sem entrar em detalhes.

A visita ocorre seis dias após a morte de um soldado alemão, que fazia parte da Força Internacional de Assistência para Segurança liderada pela Otan no Afeganistão. As informações são da Dow Jones.