Rio  – O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), órgão do Ministério do Planejamento, ampliou a projeção de inflação de 9% para 12,6% em 2003. A meta do Banco Central é 8,5%. A previsão está em seu boletim de conjuntura trimestral do mês de março. O instituto previa, no documento de dezembro, IPCA de 9,0%. O saldo da balança comercial também foi ampliado de US$ 15 bilhões para US$ 16,2 bilhões.

O déficit em conta corrente foi reduzido de US$ 6,8 bilhões para US$ 4,9 bilhões. Apesar de o Ministério do Planejamento projetar o crescimento do PIB este ano em 2,8%, o Ipea manteve sua projeção anterior, de 1,8% em 2003. A taxa de câmbio nominal, segundo o instituto, ficará em R$ 3,54 na média do ano. Segundo o Ipea, a taxa Selic ficará, na média do ano, em 25,2% e em 23,5% no último trimestre do ano.