Os donos da creche Caminho do Bem, no bairro Cajuru, em Curitiba, resolveram fazer uma rifa para conseguir manter os empregos das professoras e colaboradores, pelo menos até o final deste ano. A rifa está no ar desde o dia 20 de julho. O prêmio é um carro modelo Astra e o objetivo é juntar cerca de R$ 40 mil. O valor seria, exatamente, o que eles calculam que vão precisar para manter os compromissos financeiros. Escolas e creches estão fechadas em Curitiba desde o início de março, quando a pandemia de coronavírus (covid-19) começou na capital e um decreto municipal determinou a suspensão das aulas presenciais.

+Leia mais! Aposta feita em Curitiba ganha R$ 1,1 milhão na Quina. Veja a lotérica da sorte!

A Caminho do Bem atendia cerca de 96 crianças, antes da pandemia. Atualmente, apenas 10 alunos ainda continuam mantendo o pagamento da mensalidade. O local não é um Centro de Educação Infantil (CEI) que recebe verbas da prefeitura, mas uma escolinha particular que funciona há cerca de sete anos. Os donos são o casal Grace Aparecido, 30 anos, e Lucas Klein, 32 anos. A escola era um sonho da Grace. “Já chorei bastante. A gente entende que estamos sem poder trabalhar por causa de uma força maior. Mas não é fácil ver toda essa estrutura sem alunos, sem vida”, conta a Grace Aparecido.

O prêmio é um carro no valor de R$ 40 mil. O valor seria, exatamente, o que eles calculam que vão precisar para manter os compromissos financeiros. Foto: Divulgação.

O casal diz que já está com aluguel atrasado desde maio, mas, mesmo assim, decidiu manter o emprego dos 13 colaboradores, a partir da redução de salário permitida pela medida provisória do governo federal. A rifa do Astra (ano 2011, automático) foi proposta pelo pai da Grace Aparecido. O carro, aliás, foi cedido ao casal por ele. Mas, enquanto a rifa está correndo, o casal utiliza a cozinha da escola para fazer marmitas. “Foi a forma que encontramos para nos virar. Estamos vendendo marmitas. Mas o que conseguimos arrecadar dá apenas para sobreviver. O nosso sonho é manter a creche e estarmos aqui quando a pandemia passar e as aulas retornarem”, desabafa Lucas Klein.

Grace e Lucas já eram pais de um casal, um menino de um ano e meio e uma menina de 10 anos, e acabaram de dar a luz a gêmeos. “O momento não é fácil”, diz Lucas. No texto de descrição da rifa, o casal conta que o Astra sempre foi o sonho de consumo do pai de Grace, mas ele fez questão de oferecer ajuda. “Um carro forte, lindo, e potente. Ele batalhou muito pra comprar”, diz a descrição, que também explica as dívidas. “Nossa renda diminuiu em mais de 90% e nossos alugueis estão atrasados desde maio. Temos nossas professoras que precisam receber, pois estamos mantendo todas elas, porque acreditamos que tudo vai passar e nossa escola precisa estar pronta pra atender essas crianças”.

+Leia mais! Novo imposto digital está perto de se concretizar; veja o que poderá ser tributado

Para ajudar

Segundo o casal, a data de sorteio da rifa do Astra será definida após a venda de todos os 1.000 números. A transferência é por conta do ganhador, bem como a viagem do veículo, caso o ganhador não seja de Curitiba.
O link para reservas dos bilhetes pode ser acessado pelo endereço – https://botanarifa.com.br/iqnokwls#regulamento. Os bilhetes custam R$ 40. Até a quinta-feira (30), cerca de 300 bilhetes estava disponíveis.