enkontra.com
Fechar busca

Automóveis

Fiat substitui Stilo pelo Bravo

  • Por Redação

A Fiat Automóveis do Brasil apresentou a imprensa especializada brasileira, no Rio de Janeiro, o “hatchback” médio Bravo. E o Jornal do Automóvel estava lá. O modelo, que foi uma das atrações da montadora no Salão do Automóvel de São Paulo, realizado no mês passado, assume o lugar do Stilo, médio lançado no mercado nacional em setembro de 2002.

O Bravo é produzido na fábrica da Fiat, em Betim, região metropolitana de Belo Horizonte, MG, e chega às revendas em três versões de acabamento: Essence, Absolute e T-Jet. Duas opções de motor: 1.8 16V E.torQ Flex e 1.4 T-Jet , e mais duas de câmbio: manual de 5 marchas e Dualogic (a T-Jet traz alavanca de 6 marchas).

De acordo com a Fiat, o motor E.torQ de 4 cilindros do modelo entrega 132 cv de potência a 5.250 rpm, e 18,9 kgfm de torque máximo a 4.500 rpm (ambos a etanol). O motor 1.4, do T-Jet, por sua vez, é movido apenas à gasolina e gera 152 cv a 5.500 rpm e 23 kgfm a 3.000 giros, com o acionamento do “Overbooster”.

Entre os principais equipamentos de série do Bravo destacam-se “airbag” duplo, ar-condicionado manual, direção elétrica com função City e rodas de liga leve de 16 polegadas.

Há ainda faróis de neblina que acendem automaticamente em manobras, freios a disco nas quatro rodas, rádio CD/MP3 player, espelhos retrovisores elétricos, levantamento de todos os vidros com apenas um toque no botão, volante com regulagem de altura e profundidade, acionamento elétrico da tampa do taque de combustível e ancoragem ISOFIX para assento infantil.

Informa ainda a montadora, que as versões equipadas com motor E.torQ atingem 193 km/h de velocidade máxima e aceleram de 0 (zero) a 100 km/h em 9,9 segundos.

O T-Jet chega aos 206 km/h e vai aos 100 km/h em 8,7 s. Com exceção do Bravo com motor 1.4, os outros alcançam média de consumo na cidade de 11,3 km/l, com gasolina, e 7,9 km/l, com etanol. Na estrada são 16,1 km/l, com gasolina, e 11,2 km/l, com etanol.

Preços sugeridos para o Fiat Bravo: Bravo Essence 1.8 16V Flex (manual) – R$ 55.200; Bravo Essence 1.8 16V Flex (Dualogic) – R$ 57.800; Bravo Absolute 1.8 16V Flex (manual) – R$ 62.250; Bravo Absolute 1.8 16V Flex (Dualogic) – R$ 65.200 e Bravo T-Jet 1.4 16V Turbo (manual de seis marchas) – R$ 67.700 .

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

1 Comentário em "Fiat substitui Stilo pelo Bravo"


Finório Filisteu
Finório Filisteu
8 anos 5 meses atrás

É isso! Esse povo tolo e ignorante vai continuar comendo josta para ter e exibir carro. Nesse trânsito insuportável, nem vale a pena jogar dinheiro fora, é melhor ter um fusca dos anos 70 e pronto. O resto é dinheiro jogado fora.

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas