O aumento da tarifa de ônibus em Curitiba e região metropolitana não deve ser definida nessa semana. Segundo informações da assessoria de imprensa da prefeitura de Curitiba, a URBS (empresa que gerencia o sistema de transportes na cidade), está esperando a definição das negociações entre o Sindicato dos Motoristas e Cobradores (Sindimoc) e o Sindicato Patronal. No entanto, segundo o presidente do Sindimoc, Denílson Rodo, os representantes das empresas estariam esperando a posição oficial do Secretário Estadual de Assuntos Metropolitanos, Edson Strapasson, sobre a extensão do reajuste às linhas não-integradas, formadas por aquelas restritas aos municípios metropolitanos. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)