A atriz Carolina Dieckmann tem se emocionado com as gravações de Salve Jorge, próxima novela das 21h da Globo, que substituirá Avenida Brasil dia 22. Ela viverá Jéssica, moça que foi obrigada a se prostituir após ser traficada.

“Chorei muito nas primeiras gravações, fora de cena”, falou à revista Marie Claire. “As pessoas não têm ideia, existe muita gente que é enganada, que sabe que vai trabalhar como prostituta, mas não tem noção que vai morar num cativeiro e que será obrigada a transar com 20 caras num dia, por exemplo. O buraco é mais embaixo.”

Longe da televisão desde Fina Estampa, que acabou no começo deste ano, Carolina volta ao universo das telenovelas para revelar ao público como funciona o sistema do tráfico internacional de mulheres. A sua personagem vai parar na Espanha acreditando ter conquistado um emprego de balconista.

“Acho que as pessoas vão se comover porque é um tema pesado”, disse a atriz. Mais magra e usando uma franjinha, ela contou que as primeiras cenas são muito violentas.

“Fiquei lisonjeada (com o convite para a novela). O tráfico de pessoas é um assunto superpesado e minha personagem é o ponto de partida para a Glória (Perez) contar essa história. Jéssica vai ser a primeira menina do grupo a sofrer as desgraças ao ser traficada. Estou muito feliz em participar desse merchandising social, em poder mostrar e levantar essa discussão”, anuncia a atriz.