Com uma rodada de antecipação, o Unilever (RJ) assegurou neste sábado a primeira colocação da fase de classificação da Superliga Feminina de vôlei. Para isso, o time carioca derrotou de virada o Pinheiros/Mackenzie (SP) por 3 sets a 1, no ginásio do Maracanãzinho, no Rio de Janeiro, pela 13.ª rodada do returno. As parciais foram de 24/26, 25/13, 25/17 e 25/22.

Com o resultado, o time carioca não pode ser alcançado mais pelo Sollys/Osasco (SP), segundo colocado na classificação geral, que derrotou com facilidade o Macaé Sports (RJ), fora de casa, por 3 sets a 0 – parciais de 25/12, 25/22 e 25/12. Na próxima rodada, a Unilever terá pela frente justamente o Sollys/Osasco. O jogo será na próxima segunda-feira, no Rio de Janeiro.

Com 20 e 19 pontos, respectivamente, a oposto Joycinha e a meio de rede Fabiana, da Unilever, foram as maiores pontuadoras. “Jogamos bem. Ainda cometemos alguns vacilos, mas o mais importante é que estamos no caminho certo e crescendo”, disse a campeã olímpica Fabiana.

Após a partida, o técnico da Unilever, Bernardinho, estava satisfeito com o desempenho da equipe e com a definição da primeira colocação na fase classificatória. “Foi um jogo duro, catimbado. Tivemos uma excelente atuação. Apesar de alguns problemas no primeiro set, conseguimos reverter o placar. Tentei poupar a Regiane no início do jogo, mas não deu. Ela entrou bem e foi o ponto de equilíbrio da partida. O segundo e terceiro set foram muito bons para a Unilever. Já o quarto foi muito tenso”, avaliou o treinador.

OUTROS JOGOS – Quem segue em quarto lugar, logo atrás do Pinheiros, é o Usiminas/Minas (MG), que derrotou o Mackenzie/Newton Paiva (MG) por 3 sets a 0, em Belo Horizonte. As parciais foram de 25/21, 25/16 e 25/21. Na cola do Minas está o Blausiegel/São Caetano (SP), que venceu o lanterna Pauta/São José (SC) também por 3 a 0 (25/22, 25/16 e 25/11), em santa Catarina.

Em outras duas partidas deste sábado, duas vitórias de equipes mandantes. Em Pomerode, o Cativa/Opnnus (SC) bateu o São Bernardo (SP) por 3 sets a 0 – com parciais de 25/20, 25/20 e 25/19. E, em Araçatuba, o Vôlei Futuro ganhou do Sport/Banco BMG (PE) também por 3 a 0 (25/19, 25/15 e 25/17).