Apesar de terem feito uma partida movimentada e com vários lances de perigo, Santa Cruz e Ceará ficaram no empate sem gols nesta terça-feira, no estádio do Arruda, no Recife, pela 26.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O resultado não foi bom para nenhum dos dois times.

O Santa Cruz chegou ao terceiro jogo sem derrota e segue na briga contra o rebaixamento, com 29 pontos. Já o Ceará, que acertou a trave do goleiro Julio Cesar em duas oportunidades, chegou aos 42 e perdeu a chance de retornar ao G4 – a zona de acesso.

O fato lamentável ficou para a confusão envolvendo torcedores do Ceará e a Polícia Militar de Pernambucano nas arquibancadas do estádio do Arruda nos minutos finais do primeiro tempo.

O primeiro tempo foi bastante equilibrado e movimentado. O Santa Cruz fez uma blitz no começo e só não marcou porque Rafael Pereira salvou finalização de André Luis em cima da linha. Depois do susto, o Ceará acordou e exigiu duas defesas de Julio Cesar em finalizações de Leandro Carvalho e Lima. Nos minutos finais, o time da casa partiu para cima, mas não acertou o gol de Éverson.

Assim como aconteceu no primeiro tempo, a etapa final foi movimentada e com várias oportunidades. O Ceará criou as melhores chances e, quando conseguiu passar por Julio Cesar, parou duas vezes na trave. Mas o Santa Cruz não ficou atrás e exigiu duas boas defesas de Éverson nos minutos finais com Ricardo Bueno e Bruno Paulo.

Os dois times voltam a campo neste sábado. O Santa Cruz enfrenta o Internacional, às 16h30, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, enquanto que o Ceará vai até Lucas do Rio Verde (MT) para jogar contra o Luverdense, às 19 horas (de Brasília), no estádio Passo das Emas. Os jogos serão válidos pela 27.ª rodada.

FICHA TÉCNICA

SANTA CRUZ 0 x 0 CEARÁ

SANTA CRUZ – Julio Cesar; Nininho, Anderson Salles, Sandro e Tiago Costa; Wellington Cézar, Derley e Thiago Primão (William Barbio); João Paulo, André Luís (Bruno Paulo) e Grafite (Ricardo Bueno). Técnico: Marcelo Martelotte.

CEARÁ – Éverson; Tiago Cametá (Pio), Rafael Pereira, Luiz Otávio e Romário; Richardson, Pedro Ken, Lima e Ricardinho (Felipe Menezes); Leandro Carvalho e Elton (Arthur). Técnico: Marcelo Chamusca.

CARTÕES AMARELOS – Derley (Santa Cruz); Elton, Pio e Tiago Cametá (Ceará).

ÁRBITRO – Leonardo Garcia Cavaleiro (RJ).

RENDA – R$ 58.330,00.

PÚBLICO – 9.317 pagantes.

LOCAL – Estádio Santa Cruz, no Recife (PE).