enkontra.com
Fechar busca

Paraná Clube

Paraná Clube

Paraná Clube

Foco

Sem saber se explicar, Paraná tenta apagar derrota pro Rio Branco

Jogadores admitiram atuação ruim em Paranaguá e agora já pensam na partida contra o Cianorte, pela próxima rodada

  • Por Juliana Fontes
Eder Sciola elogiou atuação defensiva do Rio Branco contra o Tricolor e viu time pressionando em busca do empate. Foto: Albari Rosa

Sem explicação. Foi com esse sentimento de não saber expressar o que aconteceu que os jogadores do Paraná Clube saíram de campo após a derrota por 1×0 para o Rio Branco, domingo (17), em Paranaguá, pela segunda rodada da Taça Dirceu Krüger, o segundo turno do Campeonato Paranaense. O Tricolor não conseguiu representar nenhum perigo ao Leão da Estradinha e se viu pressionado em quase toda a partida.

Ainda que a derrota tenha sido sentida, já que o adversário é um sério candidato ao rebaixamento, o discurso no momento é de que dá tempo de se reabilitar no campeonato.

+ Leia também: Londrina, Operário e Cianorte vencem e embolam o Paranaense

Esta foi a segunda derrota do time, que havia sofrido somente um revés na competição, na estreia na Taça Barcímio Sicupira, diante do Operário. No returno, o Paraná Clube soma três pontos, porém ainda é o vice-líder do Grupo B. O próximo confronto será diante do Cianorte, na quinta-feira (21), às 20h, na Vila Capanema.

O zagueiro Leandro Almeida, que fez sua estreia com a camisa paranista ao ganhar a vaga de Fernando Timbó, lamentou a forma como começou sua trajetória na equipe.

“Sem dúvida foi uma estreia ruim, já que o resultado não foi positivo. Sabímaos que seria um jogo difícil, com muita jogada aérea, mas não conseguimos nos impor. Mas agora precisamos nos dedicar para conseguir a vitória em casa”, falou.

+ Mais na Tribuna: Dado assume culpa por derrota do Tricolor

O lateral-direito Eder Sciola avaliou que o time, apesar de ter saído mal no jogo, conseguiu se mostrar um pouco melhor na segunda etapa. Para o jogador, o Rio Branco teve mérito por saber aproveitar a grande oportunidade.

“Eles tiveram uma chance que foi a bola parada. Pecamos no coletivo, levamos o gol e eles souberam suportar a pressão. Agora é levantar a cabeça, pois sabíamos da dificuldade que encontraríamos, e fazer um jogo bom na quinta-feira, diante do nosso torcedor”, disse ele.

+ Confira a classificação completa e a tabela de jogos da Taça Dirceu Krüger

O centroavante Jenison, uma das esperanças de gol da equipe paranista, mas que pouco apareceu, já que a bola praticamente não chegou ao ataque, deu a entender que não ficou satisfeito com a escalação da equipe. Ainda que tenha saído chateado de campo, o camisa 9 acredita que o Paraná pode se reerguer.

“Não sei nem explicar, foi um jogo diferente. Não foi o time que a gente estava treinando firmes e fortes na semana. Mas agora não podemos nos lamentar e sim pensar na recuperação”, arrematou o sempre sincero centroavante.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

21 Comentários em "Sem saber se explicar, Paraná tenta apagar derrota pro Rio Branco"


Tom Redblack
Tom Redblack
3 meses 7 dias atrás

Na boa gralhas, até acho que vcs estão durando muito, já deitaram só que esqueceram de enterrar kkk

Raul Mattos
Raul Mattos
3 meses 7 dias atrás

Fora leonardo….e deixa de receber o que vc não tem capacidade e nem merece ! Ou vai acabar de vez com o time? vai continuar mamando? Com certeza, esperar o que de um ex chefe de torcida.

Raul Mattos
Raul Mattos
3 meses 7 dias atrás

Não sabem explicar? O nosso time é muito ruim e é isso que joga. Parabéns ao leonardo mamador de dinheiro do Paraná. Quando virou as costas para o Werner, o verdadeiro salvador da pátria no Paraná, levou o Paraná novamente a segunda divisão e só trás tralhas para o elenco.

Fabiano Duarte
Fabiano Duarte
3 meses 7 dias atrás

esse ano o parná está ainda pior, em 2018 ainda disputaria a série A e tinha verbas de patrocínio, o caminho para terceirona está aberto, é uma descida onde o carrinho de rolimã do parná grub grub não tem freio

Ricardo Soares
Ricardo Soares
3 meses 7 dias atrás

Olha la’ ! Chuteira verde ! Tira esse troço ! Na Vila nao ! Alguem ai avise esse estrangeiro.

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas