A indefinição da retomada do Campeonato Paranaense ganhou mais um capítulo na noite da última quinta-feira, quando a Federação Paranaense de Futebol entregou um ofício para a Câmara de Curitiba pedindo a volta do Estadual.

Enquanto isso não acontece, a ansiedade vai tomando conta dos atletas, como comentou Fabrício, zagueiro e capitão do Paraná nesta temporada de 2020. “Tem sido bem difícil esses últimos dias pelo simples fato da indecisão de datas e insegurança diária de ir pra rua trabalhar e não ter de certa forma um objetivo. Sem contar com a ansiedade que gera. Mas sou a favor da volta do Paranaense, com certeza”, disse o defensor, em entrevista à Tribuna.

Titular do setor defensivo ao lado de Thalles, Fabrício comemorou a chegada de novos reforços no Tricolor. Neste período de pausa no futebol, a diretoria contratou dois colombianos para a zaga: Hurtado e Salazar.

“Vejo as chegadas deles com muito bons olhos, todos têm muito potencial e vão nos ajudar com toda certeza”, ressaltou o capitão. Se alguns atletas desembarcaram para a defesa, outros se despediram. Foram os casos de Clau, Fernando Timbó e Everson, que já não fazem mais parte do elenco paranista.

Na retomada do futebol, o Paraná terá três competições pela frente: as quartas de final do Campeonato Paranaense, a terceira fase da Copa do Brasil e a Série B do Campeonato Brasileiro.

+ Mais do Tricolor:

+ FPF apela para a Câmara de Curitiba para a retomada do Campeonato Paranaense
+ Paraná negocia revelações com o futebol europeu
+ Podcast De Letra: Valmir Gomes é o convidado da semana