Desde que o técnico Matheus Costa retornou ao Paraná Clube, o volante Luiz Otávio recuperou a vaga na equipe. O jogador foi titular nas quatro partidas do Tricolor na Série B e vem ganhando elogios do treinador, principalmente pela dedicação.

“Fico muito feliz pelo reconhecimento. Nunca deixei de trabalhar, mesmo quando não estava entre os 11, e fico feliz pelas palavras do Matheus. È um cara que me passa confiança e isso acaba ajudando para que eu possa dar meu melhor e poder ajudar meus companheiros”, destacou ele.

+ Leia também: Tricolor nem nova arma de marketing

O atleta iniciou a temporada como titular, mas após uma atuação ruim no empate em 1×1 com o Londrina, pela segunda fase da Copa do Brasil, quando perdeu um pênalti que custou a eliminação paranista da competição, o técnico Dado Cavalcanti o sacou do time na Taça Dirceu Krüger, o segundo turno do Campeonato Paranaense.

+ Mais na Tribuna: TJPR autoriza venda de cerveja nos estádios

Agora, Luiz Otávio vem sendo um dos nomes mais regulares do Paraná Clube na segunda divisão, se desdobrando na marcação e tentando aparecer na frente como um elemento surpresa.

+ Confira a classificação completa da Série B

“Eu tenho essa característica de força. Na maioria dos jogos eu corro 12 quilômetros. Mas também dá pra chegar mais na área e no decorrer dos jogos a gente vai se soltando”, completou o volante.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!