Em meio à difícil situação financeira que vem desde a Série B do ano passado, o Paraná Clube está encarando o próximo jogo na Copa do Brasil como essencial para garantir o ‘prato de comida’ dos profissionais.

Mesmo com duelos pelo Campeonato Paranaense antes da próxima fase da Copa do Brasil, o R$ 1,5 milhão que o time pode ganhar caso passe para a terceira fase do mata-mata nacional é uma esperança de manter a crise controlada. A data do confronto contra o Bahia de Feira-BA ainda não foi confirmada, mas deve ser no próximo dia 26.

Saiba como assistir aos jogos do Paranaense pelo celular, computador ou Smart TV

O volante Carlos Dias explicou o quanto o elenco se empenhou na vitória por 2×0 em cima do Palmas, na última quarta-feira 05), justamente pela questão financeira que estava em jogo. O triunfo garantiu R$ 1,19 milhão aos cofres paranistas.

“Encaramos o jogo contra o Palmas como uma forma de buscar nosso ‘prato de comida’. Sabíamos que era um dinheiro muito importante para o clube”, confessou.

+ Os pernas de pau do futebol paranaense! Confira no podcast De Letra!

O jogador também deixou claro que essa mesma vontade será vista em campo diante do Operário, pelo Estadual, neste domingo (16), na Vila Capanema, pela sétima rodada da competição.

“No Paranaense estamos trabalhando duro para que já no próximo jogo venha a primeira vitória em casa”, declarou.

O jogador de 20 anos disse ainda que todo o elenco está com ‘fome’ de muitas conquistas em 2020 e que para isso vão buscar resultados expressivos.

“O próximo jogo (da Copa do Brasil) será a mesma coisa, teremos muita vontade. Sempre buscaremos coisas maiores: chegar à final do Paranaense, o mais longe possível na Copa do Brasil e conquistar o acesso à Série A”, arrematou.

+ Quer assistir aos jogos do Paranaense ao vivo? Assine a DAZN com 30 dias grátis

+ Mais do Tricolor:

+ Paraná venceu menos de um terço dos jogos na Vila desde 2018
+ Paraná mira reforços experientes para a sequência da temporada