É vencer ou vencer. Uma vitória do Coritiba contra o São Paulo neste domingo (26), às 17h, no Couto Pereira, afasta de vez a sombra do rebaixamento. Por isso, para evitar depender dos resultados de outros adversários ou deixar a decisão para a última rodada, o principal objetivo do Coxa é sair de campo com mais três pontos e a permanência na elite do futebol brasileiro.

“É mais um jogo do ano, mais uma final. A gente precisa muito do resultado para se distanciar de vez e sair do desconforto de estar perto da zona de rebaixamento”, afirmou o volante Jonas.

Para alcançar a meta, diante de um adversário de renome, o jogador acredita que a receita seja entrar em campo com determinação. “Tem que ter vontade, sem bola perdida, para conseguir o resultado”, analisou.

Toda atenção é necessária porque o time hoje ocupa a 15ª colocação, com 43 pontos, a apenas quatro pontos do primeiro time que está na zona da degola. “Não é distância segura e no futebol tudo pode acontecer. Não pode dar sopa pro azar. É conquistar o resultado positivo, pra não ter que depender dos outros”, reforçou ele.

Confira a classificação completa do Brasileirão

A derrota por 3×0 para o Atlético-MG, na última rodada, foi apenas um tropeço, segundo Jonas. “No início do jogo entramos desatentos e fomos surpreendidos por três gols. Quando a gente foi ver, já era tarde. Mas este jogo passou e foi atípico. Agora é pensar no São Paulo, que é uma grande equipe”, afirmou.

Nesta difícil missão, o volante ressaltou, mais uma vez, o apoio da torcida, nesta disputa que marca a despedida do Couto Pereira na temporada. “A gente sabe que a torcida vai em peso e com o apoio deles temos o 12º jogador”, concluiu o atleta.