O futuro do meia Giovanni no Coritiba deve ser definido nesta semana. A diretoria alviverde se encontrará com o staff do jogador para discutir a renovação de contrato do camisa 10. A informação da reunião foi confirmada pelo empresário do atleta, Ricardo Scheidt, à reportagem.

O agente do meio-campista abrirá conversas com o executivo de futebol, Rodrigo Pastana, que apalavrou sua permanência no cargo e está responsável pela montagem do elenco. A ideia inicial é ter um vínculo de dois anos, com reajuste salarial.

Com 42 jogos na temporada, Giovanni viveu altos e baixos com a camisa coxa-branca. Ele iniciou bem o Campeonato Paranaense, mas caiu de rendimento na Série B. O jogador ficou próximo de se transferir para o Goiás no meio da segunda divisão, mas a direção vetou a transferência.

Na reta final da Série B, contudo, o camisa 10 assumiu a responsabilidade e foi importante na conquista do acesso, com assistências e gols decisivos, entre eles no empate em 2×2 com o Vila Nova e na vitória por 1×0 sobre o Bragantino. Ao todo, o meia fez quatro gols e deu passes sete passes para gol em 2019. Giovanni foi líder de assistência da equipe em 2019.

+ Mais do Coxa:

+ Coritiba obtém resultado usando menos jogadores
+ Ao priorizar Copa do Brasil, Coritiba muda filosofia histórica