Ponto forte do Coritiba em grande parte da Série B do Campeonato Brasileiro, o setor ofensivo tem deixado a desejar nesse período de quatro jogos sem vitórias. Preocupação para o técnico Umberto Louzer, que aproveitou a semana cheia para trabalhar visando o duelo contra o Londrina, neste sábado (14), às 11h, no Estádio do Café. Para piorar, o treinador ainda não terá o atacante Rodrigão, artilheiro isolado da Segundona, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

+ Leia também: Sem Rodrigão, desempenho ofensivo do Coxa cai

“A gente trabalha bastante e dá ênfase nessa parte também. No último jogo, contra o Atlético-GO, mesmo não estando em um bom dia, criamos várias possibilidades de fazer. Temos trabalhado o fator emocional, para que os atletas controlem a ansiedade nas tomadas de decisões. Temos que treinar e ampliar o leque para, quando tiver essas situações dentro da partida, a gente possa decidir da melhor maneira”, comentou ele.

Nos últimos quatro jogos em que não conseguiu vencer, o Coxa marcou apenas três gols. Só passou em branco na derrota sofrida para a Ponte Preta por 1×0. Mesmo assim, o comandante alviverde destacou o poder de criação e lamentou as chances desperdiçadas.

+ Mais na Tribuna: Coritiba ganha opções pro jogo contra o Londrina

“É um motivo de insatisfação e de incômodo para nós. É difícil você criar tanto e não conseguir ‘matar’ o adversário. Contra o Vitória, contra a própria Ponte Preta conseguimos criar muitas situações. No último jogo fizemos abaixo daquilo que estamos acostumados a produzir dentro de casa, mas mesmo assim tivemos chances para fazer os gols. Não conseguimos e você acaba pagando um preço muito caro”, lamentou Louzer.

+ Relembre personagens do nosso futebol no novo episódio do Podcast De Letra!

Mesmo com essa queda momentânea de rendimento nos últimos quatro jogos, o Coritiba segue com um dos melhores ataques da Segundona. Fez 28 gols até agora e está atrás apenas do Bragantino, que marcou 32 vezes. O Coxa é o quarto colocado na classificação com 34 pontos, um a mais que o CRB, que ocupa o quinto lugar, mas que já jogou na rodada.