O Paraná Clube empatou com o Athletico por 1×1 neste domingo (3), na Vila Capanema, pela quinta rodada da Taça Barcímio Sicupura Júnior. O primeiro clássico com a nova grafia do Rubro-Negro também foi marcado pela chuva e tempo ruim, além de chances remotas de classificação dos times na última rodada.

O mau tempo, somado ao péssimo momento das equipes, se refletiu na arquibancada. O público registrado na Vila teve somente 3.559 pagantes, com 4.367 pessoas no total. Em campo se viu um jogo até brigado e disputado, mas com baixo nível técnico.

+ Leia também: Saiba tudo sobre o empate entre Tricolor e Furacão

Pode-se se dizer que a partida foi prejudicada pelo tempo e campo pesado, mas nas quatro rodadas anteriores, nenhum dos clubes mostrou futebol para deixar o espetáculo mais prazeroso. E nesta tarde não teve nada muito diferente.

O Tricolor ainda fez um primeiro tempo mais envolvente e agressivo, abrindo o placar com Jenison, de cabeça, após boa trama de Higor Leite e Fernando Neto pela esquerda. Na segunda etapa, o Furacão foi para o tudo ou nada e buscou a igualdade com Vitinho aproveitando rebote do goleiro Thiago Rodrigues, depois de o time paranista desperdiçar chances de matar o duelo.

+ Mais na Tribuna: Cascavel FC é o primeiro classificado para as semifinais da Taça Barcímio Sicupira

Ao término do confronto, as duas torcidas saíram insatisfeitas com o resultado e os atletas concordaram que a missão de chegar às semifinais ficou praticamente impossível.

Paraná Clube e Athetico lamentaram empate no clássico. Foto: Cassiano Rosário
Paraná Clube e Athetico lamentaram empate no clássico. Foto: Cassiano Rosário

“Ficou complicado agora. Vamos pensar na outra taça e na Copa do Brasil, quarta-feira, contra o Itabaiana. Tentar sair de lá com a vitória”, falou o zagueiro Rodolfo na saída do campo para as rádios.

“Novamente nós pagamos pela desatenção nos primeiros 20 minutos. É muito erro bobo e infantil que estamos cometendo”, completou o atacante Bergson.

+ Confira os jogos e a classificação do Campeonato Paranaense

O Athletico é o quinto colocado do Grupo A, com cinco pontos, mesma posição do Paraná Clube no Grupo B, com seis pontos. Os dois times precisam da vitória contra Cianorte (casa) e Londrina (fora), respectivamente, e uma difícil combinação de resultados.

Operário e Londrina possuem três pontos à frente do Furacão, enquanto o Coritiba também tem os mesmos pontos. Londrina, Operário e Maringá pelo lado do Rubro-Negro e Cascavel CR e Cianorte no caminho do Tricolor também precisam tropeçar na última rodada.

APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!