O Bragantino conquistou um excelente resultado, nesta sexta-feira, e quebrou um jejum de sete jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro da Série B. Jogando no estádio Dilzon Melo, o Melão, em Varginha (MG), o time paulista fez 2 a 1, de virada, com dois gols do artilheiro Lincom. Carlos Magno, cobrando pênalti, havia aberto o placar para os mineiros.

O resultado levou o Bragantino aos 48 pontos, subindo uma posição na classificação geral, trocando de lugar com o adversário desta sexta. Agora o time paulista é o sexto colocado, enquanto que o Boa, com a derrota, caiu para a sétima, se mantendo com os mesmos 47 pontos. E ainda pode ser ultrapassado por outras equipes que estão próximos na classificação.

O Boa começou a partida pressionando na tentativa de abrir o placar logo no início. A pressão era tanta que aos 15 minutos fez o primeiro gol. Jheimy foi lançado pela direita e ao entrar na área foi derrubado por Felipe. Pênalti marcado corretamente. Carlos Magno mandou no canto esquerdo de Gilvan, fazendo 1 a 0.

No primeiro lance de perigo do Bragantino aconteceu o empate. O torcedor mineiro nem teve tempo de comemorar e, aos 19 minutos, Lincom fez o seu 16.º gol na competição. André Astorga bateu falta no setor defensivo e lançou Lincom, que esperou a bola quicar e, nas costas da defesa, bateu forte de perna esquerda.

Depois disso o Boa mandou mais duas bolas na trave – já tinha acertado uma no começo do jogo. E o Bragantino reclamou de um pênalti sofrido por Lincom, empurrado na área, aos 42 minutos.

O segundo tempo foi movimentado, um verdadeiro toma lá, dá cá. Que marcasse iria vencer. O gol da vitória saiu aos 43 minutos. Lincom recebeu passe de Esley dentro da grande área, se livrou da marcação e, de perna esquerda, marcou seu 17.º gol na competição. Não dava tempo para mais nada.

O Boa volta a campo no próximo sábado, dia 29, às 16h20, novamente no Melão para enfrentar o Vitória, pela 33.ª rodada. No mesmo dia e horário, o Bragantino pega o Icasa, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

Ficha técnica

Boa 1 x 2 Bragantino

Boa – Luiz Henrique; Jackson (Marques), Carciano, Marcelinho e Marinho Donizete; Olívio, Jean Cléber, Carlos Magno e Moisés; Ramon (Waldison) e Jheimy (Maranhão). Técnico: Nedo Xavier.

Bragantino – Gilvan; Felipe, André Astorga e Luís Henrique; Diego Macedo (Júnior Lopes), Reinaldo, Esley, Marcinho e Léo Jaime (Otacílio Neto); Romarinho (Luís Mário) e Lincom. Técnico: Marcelo Veiga.

Gols – Carlos Magno (pênalti), aos 15, e Lincom, aos 19 minutos do primeiro tempo; Lincom, aos 43 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos – Reinaldo, André Astorga, Luís Henrique e Léo Jaime (Bragantino).

Árbitro – Elmo Alves Resende Cunha (GO).

Renda e público – Não disponíveis.

Local – Estádio Dilzon Mello (Melão), em Varginha (MG).