Taicang, China – A seleção brasileira estréia hoje, às 8h30 (de Brasília), no 14.º Campeonato Mundial de Basquete feminino enfrentando a China, atual campeã asiática (com ESPN Brasil). Na primeira fase, o Brasil, que está no grupo “B”, com sede em Taicang, terá também como adversários o Senegal (amanhã 10h30) e a Iugoslávia (segunda-feira 10h30). Brasileiras e chinesas se enfrentaram seis vezes na história do Mundial com três vitórias para cada seleção. O último confronto foi no Mundial da Austrália (1994) quando o Brasil venceu por 98 a 87 e conquistou a medalha de ouro.

Para superar os problemas que teve com o time se apresentando às vésperas da estréia na competição, o técnico Antônio Carlos Barbosa tem como principal trunfo o fato de a base vir atuando junta desde as categorias de base. “Tivemos pouco tempo de treinamento, mas contamos com uma base que joga junta há alguns anos”, afirmou Barbosa.

“A tendência é a equipe subir de produção com o decorrer dos jogos e treinos. O primeiro objetivo é sair da primeira fase sem derrota”, completou o treinador, que tem poucas informações sobre as adversárias. “Temos poucas informações sobre a China. Em Sydney vencemos com facilidade o Senegal. O destaque continua sendo a pivô Astou. A Iugoslávia é uma equipe alta e vem obtendo bons resultados nos torneios da Europa.”

O Brasil começa a partida de hoje com Adrianinha, Helen, Janeth, Cintia Tuiú e Alessandra.