De lanterna e afundado na zona de rebaixamento, o Atlético está definitivamente na luta por uma vaga na Libertadores do ano que vem. Apesar do equilíbrio entre os times e a pouca distância dos clubes na classificação, o Furacão, que vem de boas atuações recentes, entrou no G6 e viu sua probabilidade de jogar a competição internacional pelo segundo ano seguido subir para 40%, segundo o site Infobola, do matemático Tristão Garcia. Conquistar um bom resultado diante do Grêmio, domingo (20), em Porto Alegre, será importante para o time de Fabiano Soares seguir sonhando com esse objetivo.

Com 29 pontos, o Rubro-Negro precisa pelo menos manter seu rendimento daqui para frente para seguir com chances de jogar a Libertadores. O Atlético, na verdade, ao lado do Sport, são os times do G6 que estão mais próximos dos adversários que vem logo abaixo na classificação.

Corinthians, com 47 pontos, Grêmio com 39, Santos com 36 e Palmeiras com 33, já abriram vantagem para os demais clubes e aumentaram suas chances. Ainda de acordo com o site Infobola, o Timão tem 99% de chances de jogar a Libertadores. O tricolor gaúcho tem 97%, o Peixe 85% e o Porco 80%.

No entanto, vale lembrar que o G6 do Brasileirão pode virar até G9. Isto porque se os clubes que estiverem entre os seis primeiros forem campeões da Copa do Brasil, da Libertadores e da Sul-Americana, as vagas vão abrindo na disputa do Campeonato Brasileiro.

Apesar da evolução e da subida na tabela, Atlético não quer pensar agora em vaga na Libertadores. O técnico Fabiano Soares, depois de conquistar, diante do Bahia, sua quarta vitória seguida na competição, pediu o time atleticano com pés no chão e com pensamento jogo a jogo.