A situação da dupla Atletiba no Brasileirão preocupa. Neste final de semana, acontecerá a última rodada do primeiro turno e, até aqui, Athletico e Coritiba permaneceram com frequência na zona de rebaixamento.

Ainda é muito cedo para uma projeção como essa, mas caso os dois confirmem a má campanha e sofram o descenso, repetirão uma marca negativa alcançada pela última vez somente em 1995, com ambos na Série B ao mesmo tempo.

Atualmente, o Furacão é o 18º colocado, enquanto o Coxa é o 19º com os mesmos 16 pontos. O Rubro-Negro tem um jogo a menos.

O último encontro entre as equipes na segunda divisão foi há 25 anos. Ao final daquela temporada, em 1995, os rivais conseguiram com êxito retornar à elite. O Athletico foi campeão e o Coxa vice. No ano anterior, 1994, a dupla já tinha disputado a Segundona junto, mas não conquistou bons resultados, terminando o Rubro-Negro em sexto e o Alviverde em 14°.

>> Tabela e classificação do Brasileirão

Após esse período, os clubes chegaram a novamente cair de divisão, mas nunca ao mesmo tempo. O Alviverde frequentou a Segundona nos anos de 2006, 2007, 2010, 2018 e 2019. O time atleticano sofreu o descenso apenas em 2012.

A primeira vez que os times disputaram a Série B juntos foi em 1990, com o Furacão encerrando a competição em segundo e o Coritiba em 22º.

Trio de Ferro na B?

E o cenário pode ser pior, caso o Paraná não suba à Série A. Pela primeira vez, o Trio de Ferro poderá se encontrar na Série B. Desde a fundação do Tricolor, em 1989, esse feito não foi atingido.

Atualmente, o time está vivo na disputa por uma vaga na elite do futebol em 2021. Além de já ter segurado a liderança da Série B por quatro rodadas, permaneceu no G4 em 12.

Entretanto, viveu momentos de declínio na competição, chegando a somar sete jogos sem vitórias e quatro sem gols marcados. Com a retomada do poder ofensivo nas últimas rodadas, o Paraná conseguiu se restabelecer e, atualmente, está na quinta posição, com 28 pontos, ficando fora da área de classificação apenas pelo saldo de gols.

>> Tabela e classificação da Série B

Existe, ainda a possibilidade de o estado do Paraná contar com cinco representantes na divisão de acesso, com Operário, se permanecer na B, e Londrina, caso suba da Série C.

+ Mais do Trio de Ferro:

+ Léo Cittadini vê dedicação do Athletico contra o Flamengo como exemplo
+ Geração de técnicos que pintou como solução sofre para se estabelecer
+ Paraná anuncia a contratação de atacante experiente


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?