Depois de iniciar o Campeonato Brasileiro com duas vitórias e até chegar à liderança, o Athletico sofreu duas derrotas consecutivas – 3×1 para o Santos e 1×0 para o Palmeiras -, em jogos nos quais a equipe não teve o mesmo rendimento.

No entanto, para o volante Wellington, o Furacão não foi de todo mal nesses confrontos, mas que as análises normalmente se baseiam em cima do placar final.

“As pessoas olham só os resultados. Poucos conseguem analisar o jogo, que tivemos o controle, mas que não resultou em gol e em vitória. São duas partidas, contra o Santos foi mais atípico, algo que não é normal do nosso time, e essa em casa, que num rebate saiu um gol inesperado. Mas tivemos mais posse de bola, chances claras, mas não conseguimos concluir”, afirmou ele, em entrevista após a partida.

Contra o Palmeiras, o Rubro-Negro até teve mais posse de bola, 56% contra 44%, mas finalizou apenas seis vezes, contra dez do adversário, sendo que nenhuma em direção ao gol, sem quase dar trabalho a Weverton. A melhor conclusão foi já na reta final, quando Pedrinho acertou a trave.

Já diante do Peixe, o domínio foi totalmente oposto. O Santos teve 68% de posse de bola, mas o Athletico finalizou mais vezes, 12 contra 11, mas só duas em direção ao gol, enquanto a equipe adversára chutou seis vezes na meta, marcando três gols.

+ Confira a classificação completa do Brasileirão!

Uma queda de produtividade que deixou o Furacão em quinto lugar na tabela, ainda assim com chances de subir algumas posições. Até por isso, Wellington ressaltou que o time pode produzir mais na sequeência do Brasileirão.

“É importante saber que todos os dias temos uma nova chance. Acredito que fizemos história no clube e temos margem para fazer ainda mais. Estamos nos dedicando todos os dias”, completou o volante.

O próximo desafio do Rubro-Negro será no próximo sábado (20), quando recebe o Fluminense, às 16h, na Arena da Baixada.

+ Mais do Furacão:

+ Silvestre lamenta falhas do Athletico e dispara contra arbitragem
+ Athletico derruba transmissão de jogo contra o Palmeiras
+ Athletico lança campanha para ajudar ex-jogador em cirurgia


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?