O polêmico aumento dos ingressos para os jogos do Athletico na Libertadores terá que ser explicado oficialmente. O Procon-PR confirmou que irá notificar o clube por conta da subida das entradas para R$ 200,00, o dobro do que vinha sendo praticado durante o ano. O novo valor já se aplica para a partida desta quinta (14), contra o Jorge Wilstermann, pela Copa Libertadores.

+ Leia também: Athletico ainda é Atlético até no material oficial do clube

Segundo a diretora do Procon-PR, Claudia Silvano, o que se quer saber são os motivos de um aumento de 100%. “Nós vamos notificar o clube para que ele justifique o porquê do aumento. Porém, não há um tabelamento, a Lei não impõe um preço fixo para esse evento. Vamos receber essa justificativa e será analisado com base no Estatuto do Torcedor e no Código de Defesa do Consumidor e se constatada a irregularidade ou a abusividade, o clube pode ser acionado”, comentou.

Claudia Silvano, do Procon-PR. Foto: Felipe Rosa
Claudia Silvano, do Procon-PR. Foto: Felipe Rosa

+ Mais Furacão: ‘Fator Arena’ é arma para a Libertadores

Para quem for ao jogo, o conselho da entidade é de guardar os ingressos. Mas não há nenhuma previsão de medida a ser tomada. “Lembrando que vamos primeiro investigar e depois comunicar o consumidor”, avisou Claudia Silvano. Se for comprovada alguma irregularidade, o Procon-PR irá fazer a orientação para que os consumidores tomem as medidas cabíveis.

+ Outro jogo: Boca sofre no primeiro tempo, mas depois atropela o Tolima

O Athletico foi procurado para falar sobre o assunto, mas não respondeu. O aumento do preço é uma nova cartada do clube para aumentar o número de sócios. Há planos com valores entre R$ 90,00 e R$ 350,00. No entanto, o atleticano que quiser aderir terá cumprir ao menos seis meses de fidelização.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!