O Athletico retomou as tratativas com o Cruzeiro para contratar o zagueiro Cacá. O defensor de 20 anos é o alvo da diretoria rubro-negra após a venda de Léo Pereira para o Flamengo.

A informação foi publicada pelo Uol e confirmada pela Gazeta do Povo/Tribuna do Paraná. O Cruzeiro aguarda uma proposta oficial do Furacão, que realizou apenas uma consulta para saber se o atleta é negociável. Rebaixado para a Série B e com problemas financeiros, o time mineiro está disposto a realizar o negócio pelo jovem zagueiro.

TABELA: Veja os próximos jogos e a classificação do Paranaense

No final do ano passado, o Athletico teve uma proposta rejeitada de 2 milhões de euros (R$ 9 milhões) por 50% dos direitos de Cacá. A multa rescisória para o mercado nacional é de R$ 60 milhões.

Questionado sobre a possibilidade de emprestar ou vender o atleta, o diretor cruzeirense, Ocimar Bolicenho, disse que a decisão será tomada pelo conselho gestor de transição do clube. O jogador tem contrato até dezembro de 2022.

Cacá fez 20 jogos no ano passado, a maioria deles como titular na reta final do Brasileirão. O jogador se destaca pela força física e velocidade.

No elenco do Athletico, o técnico Dorival Junior conta com Thiago Heleno, Robson Bambu, Lucas Halter e Zé Ivaldo.

Prisão e pedido de desculpas

Antes de se firmar na equipe profissional, Cacá foi preso em em janeiro de 2019 portando maconha dentro de um carro. Ele foi detido em flagrante após ser abordado pela Polícia Militar. O atleta alegou que a droga era para consumo próprio e foi liberado pelas autoridades. Após o episódio, Cacá se desculpou publicamente.

+ Mais do Furacão:

+ Athletico mexe no time contra o Cianorte; veja a provável formação
+ Atlético-MG quer contratar Santos, goleiro do Athletico
+ Athletico fecha venda de Léo Pereira para o Flamengo; veja valor!