O Athletico empatou com o Jorge Wilstermann em um jogo sem gols, mas está garantido nas oitavas de final da Copa Libertadores. Com o resultado, o time chega a 10 pontos e independente do resultado no último jogo da fase de grupos, avança na disputa.

Na noite desta terça-feira (29), o Furacão recebeu o time da Bolívia, na Arena da Baixada, pela quinta rodada do grupo C da competição internacional e mesmo tentando com insistência abrir o marcador, não conseguiu furar a marcação fechada dos bolivianos. Os visitantes se dedicaram durante os 90 minutos a se defender.

>> Veja como foi o jogo entre Athletico e Jorge Wilstermann

O próximo compromisso do time na competição é diante do Peñarol, no Uruguai, somente no dia 20 de outubro, mas a equipe vai a campo já garantida. Pelo Brasileirão, o Athletico encara o Flamengo, no domingo (04), no Maracanã.

No primeiro tempo, o Athletico teve domínio total do jogo. Foi um total massacrante de 80% de posse de bola do Furacão contra apenas 20% do Wilstermann que focou os 45 minutos iniciais em apenas se defender. Los Aviadores, que foram para o jogo com três zagueiros e uma linha defensiva muito fechada, sequer criaram chances para o gol. O Rubro-Negro chutou 11 vezes à meta, mas foram três as chances mais claras.

>> Confira tabela e classificação da Libertadores

Aos 17, Abner chutou cruzado uma bola raseira. A defesa afastou e, no desvio, por muito pouco não mandou contra o próprio patrimônio. Aos 24, Erick recebeu na área, de frente para o gol, chutou, mas a bola desviou na defesa e passou muito perto da trave esquerda de Giménez. Aos 41, Abner se infiltrou na área e chutou à queima roupa. Goleiro do Wilstermann salvou. Uma cena inusitada já nos acréscimos. O goleiro Giménez, aos 46, não aguentou até o apito final e pediu para ser substituído.

O jogador tinha, ao longo da partida, demonstrado que estava com dores nas mãos.
No segundo tempo, o jogo se repetiu e o Furacão seguiu tentando furar a defesa do Wilstermann, que, por sua vez, concentrou todas suas forças em impedir que o Athletico balançasse as redes. Santos foi apenas acionado com mais precisão já aos 27, em um chute fraco de Pato Rodríguez.

Ficha técnica

LIBERTADORES
5ª rodada – Grupo C
29/9/2020

ATHLETICO 0x0 JORGE WILSTERMANN

Athletico
Santos; Jonathan, Thiago Heleno, Pedro Henrique (Lucas Halter) e Abner; Wellington (Bissoli), Erick, Christian e Léo Cittadini (Geuvânio); Pedrinho (Lucho González) e Fabinho (Jorginho). Técnico: Eduardo Barros

Jorge Wilstermann:
Giménez (Luis Ojeda); Benegas, Zenteno e Montero; Pato Rodríguez, Justiniano, Torrico, Chávez (Orfano) e Aponte (Oscar Vaca); Serginho (Melgar) e Gilbert Álvarez (Arrascaita). Técnico: Cristian Díaz

Cartões amarelos: Wellington, Geuvânio (CAP); Chávez, Giménez, Pato Rodríguez, Justiniano (WIL)
Local: Arena da Baixada
Árbitros: Patrício Lostau (Fifa-ARG)
Assistentes: Diego Bonfa (ARG) e Ezequiel Brailovsky (Fifa-ARG)

+ Mais do Furacão:

+ Petraglia dispara contra o Flamengo por atitudes: “Habituados com desigualdade”
+ Athletico anuncia contratação de “chefão” do futebol


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?