Arena da Baixada vira motivo de “treta” na Assembleia. Foto: Jonathan Campos/Arquivo/Tribuna do Paraná.

A dívida da Arena da Baixada foi motivo de um bate-boca na terça-feira (18), na Assembleia Legislativa do Paraná. Os deputados Anibelli Neto (MDB) e Luiz Claudio Romanelli (PSB) discutiram no plenário, com direito a comentário clubístico e gritaria.

Durante a sessão, uma audiência pública de prestação de contas da secretaria da fazenda, Anibelli perguntou ao secretário Renê Garcia Junior sobre a dívida do estádio do Athletico. Enquanto listava seus questionamentos, foi interpelado por Romanelli. Veja no final do texto, a partir de 5’07”.

“O deputado Anibelli Neto sai completamente do tema tratado nessa audiência pública. Se ele tem paixões clubísticas, ele pode tê-las, porém não transformar uma audiência pública para poder discutir a questão que não tem absolutamente nada a ver com o Athletico”, disse Romanelli, que é torcedor do Furacão.

“Peço que ele se atenha ao que prevê a audiência pública. Desaforo nós não vamos aguentar aqui. Perderam de três do Cascavel e estão doloridos até agora”, completou, fazendo referência à derrota do Coritiba para o Cascavel CR, no domingo, pelo Paranaense.

Anibelli, que é torcedor do Coxa, levantou o tom na resposta: “Deputado Romanelli, nós estamos falando uma coisa séria, vossa excelência me respeite. Ninguém está falando de futebol aqui”.

A discussão, então, foi encerrada pelo presidente da Assembleia, Ademar Traiano (PSDB). “O tema não é atinente à questão que está sendo tratada. Aqui é uma prestação de contas do quadrimestre, a pergunta não procede”.

Veja o vídeo:

+ Mais do Furacão:

+ No Corinthians, Tiago Nunes dá detalhes da “treta” com Petraglia no Athletico
+ Negociação de revelações com o Athletico motiva russos a investirem no Paraná
+ No Operário, Douglas Coutinho dá a volta por cima na carreira