O meia Gennaro Gattuso foi punido nesta segunda-feira com quatro jogos de suspensão pela Uefa. O capitão do Milan ficará de fora das próximas partidas da Liga dos Campeões por ter dado uma cabeçada no assistente técnico do Tottenham, Joe Jordan, no primeiro jogo das oitavas de final, na terça-feira passada.

Com a punição, Gattuso acumulará cinco jogos de suspensão, já que ficaria de fora do jogo de volta, no dia 9 de março, por conta de cartões amarelos. Dessa forma, o meia só voltará a defender a camisa do Milan na Liga dos Campeões em um eventual final. Caso o time seja eliminado antes desta fase, o atleta cumprirá o restante da punição na próxima temporada.

Conhecido pelo comportamento aguerrido dentro de campo, Gattuso abusou das faltas no primeiro jogo com o Tottenham, discutiu com adversários dentro de campo e chegou a tirar satisfações com membros da comissão técnica do rival no banco de reservas. No segundo tempo, chegou a agarrar Joe Jordan pela garganta. Após o apito final, Gattuso ainda acertou uma cabeçada no mesmo assistente.

Em razão deste comportamento, o jogador foi suspenso por “conduta antidesportiva grosseira”, na avaliação da Uefa. Gattuso, que poderá apelar da decisão, pediu desculpas por sua atitude logo após a partida contra o Tottenham. “Eu assumo total responsabilidade. Fiquei ofendido após trocar algumas palavras com Jordan”, justificou o italiano.